Home > Banco de Questões > Biologia > Simulados

Embriologia V

Lista de 16 exercícios de Biologia com gabarito sobre o tema Embriologia com questões de Vestibulares.



1. (UEL) Analise a figura 1 a seguir e responda à questão.

Figura 1

(Rivane Neuenschwander, Mal-entendido, casca de ovo, areia, água, vidro e fita mágica, 2000.)

As células-ovo, ou zigoto, possuem substâncias nutritivas armazenadas no citoplasma, que constituem o vitelo. Assinale a alternativa que relaciona corretamente as células-ovo à quantidade e distribuição do vitelo, aos grupos animais que as apresentam e ao tipo de segmentação.

  1. Ovos isolécitos, que possuem pouco vitelo distribuído de maneira uniforme, estão presentes em mamíferos e apresentam segmentação holoblástica.
  2. Ovos heterolécitos, que possuem uma quantidade grande de vitelo restrita à região central, estão presentes nos moluscos e apresentam segmentação meroblástica.
  3. Ovos telolécitos, que possuem pouco vitelo distribuído de maneira uniforme, estão presentes em anelídeos e apresentam segmentação superficial.
  4. Ovos centrolécitos, que possuem uma quantidade moderada de vitelo distribuída de maneira uniforme, estão presentes nos anfíbios e apresentam segmentação holoblástica.
  5. Ovos mesolécitos, que possuem uma grande massa de vitelo na região central, estão presentes nos insetos e apresentam segmentação meroblástica.

2. (UFPR) Para estudar a expressão de determinadas proteínas em anfíbios, pesquisadores associaram um marcador fluorescente aos genes do estudo. Marcadores verdes foram associados a um gene e marcadores vermelhos a outro. Células indiferenciadas foram então transfectadas com um ou outro desses genes e introduzidas em diferentes locais de gástrulas desses anfíbios. Os pesquisadores observaram a fluorescência, mais tarde, nos girinos. Os músculos do animal fluoresceram em verde e a epiderme em vermelho. Para produzir esse resultado, em que regiões da gástrula foram injetados, respectivamente, esses genes?

  1. Mesoderma e ectoderma.
  2. Endoderma e ectoderma.
  3. Ectoderma e endoderma.
  4. Ectoderma e mesoderma.
  5. Mesoderma e endoderma.

3. (UECE) Considerando o desenvolvimento embrionário humano, assinale com V ou F conforme seja verdadeiro ou falso o que se afirma a seguir:

( ) Com 2,5 semanas, o embrião inicia a formação da notocorda, do músculo cardíaco, das primeiras células sanguíneas, do saco vitelínico e do cório.

( ) Os primórdios dos olhos e orelhas já são visíveis no embrião com 3,5 semanas, momento no qual o coração começa a bater.

( ) Aos 2 meses de desenvolvimento, a face do embrião assume aparência humana e começam os movimentos e a ossificação.

( ) Aos 4 meses de desenvolvimento do embrião, os neurônios tornam-se mielinizados e ocorre grande crescimento do corpo.

Está correta, de cima para baixo, a seguinte sequência:

  1. V, F, V, F.
  2. F, V, F, V.
  3. F, F, V, V.
  4. V, V, F, F.

4. (UEL)

Na charge, existe a dúvida do que é esquerda e do que é direita, porém um dos mais importantes fenômenos do processo embrionário dos animais é o desenvolvimento dos três eixos corporais, entre os quais o eixo direitoesquerdo. Com raras exceções, todo embrião animal desenvolve esses eixos embrionários, que definem a estrutura corporal do futuro organismo.

Assinale a alternativa que apresenta, corretamente, em que momento, nos seres humanos, o eixo direito-esquerdo é definido durante o desenvolvimento embrionário.

  1. Durante a fase de clivagem.
  2. Durante a formação da blástula.
  3. Na gastrulação.
  4. Na histogênese.
  5. No estágio de mórula.

5. (EMESCAM) Na espécie humana, o surgimento dos gêmeos monozigóticos resulta de um processo de

  1. fecundação de um único ovócito por um espermatozoide com posterior separação das células que constituem o nó embrionário originando os gêmeos monozigóticos .
  2. bipartição de um ovócito, resultando em dois ovócitos idênticos, que são fecundados por dois espermatozoides.
  3. poliovulação, o que possibilita a origem de mais de um embrião, resultando na formação dos gêmeos monozigóticos.
  4. fecundação de dois ovócitos que se fundem, já no interior do útero, originando os gêmeos monozigóticos.
  5. fecundação de um ovócito por dois espermatozoides, e por se tratar de um único ovócito os gêmeos são denominados monozigóticos.

6. (EMESCAM) No transcorrer do desenvolvimento embrionário dos animais, existem algumas etapas características nas quais ocorrem processos mais ou menos semelhantes. Observe que há uma sequência cronológica igual para todos os grupos zoológicos, traduzindo a “origem comum” dos metazoários. Os principais “momentos” pelos quais passam os embriões dos diferentes grupos são:

1 - Segmentação.

2 - Mórula.

3 - Blástula.

4 - Gástrula.

5 - Nêurula.

Para você visualizar o que ocorre em cada uma dessas fases, basta relacioná-las, corretamente, com os eventos a seguir:

a - Formação do tubo neural.

b - Proliferação da célula-ovo ou zigoto originando os blastômeros.

c - Micrômeros e macrômeros envolvendo uma pequena cavidade central.

d - Intensas modificações dos blastômeros, culminando com a formação dos folhetos embrionários.

e - Formação de uma estrutura esférica e maciça.

Assinale a alternativa que contém a sequência correta dos “momentos” do desenvolvimento embrionário:

  1. 1e, 2b, 3a, 4d, 5c.
  2. 1b, 2e, 3c, 4d, 5a.
  3. 1d, 2c, 3e, 4b, 5a.
  4. 1b, 2d, 3a, 4e, 5c.
  5. 1b, 2c, 3e, 4d, 5a.

7. (UEFS) A gastrulação é o processo em que as células embrionárias sofrem um profundo rearranjo, originando uma estrutura totalmente remodelada, a gástrula.

Considerando-se esse informação, é correto afirmar:

  1. Ocorre a formação de três folhetos germinativos, o ectoderma, o mesoderma e o endoderma, os quais, posteriormente, originarão, respectivamente, a epiderme, os músculos e o revestimento interno do tubo digestório.
  2. Nessa fase, os animais são classificados em protostômios, se a abertura do arquêntero denominada blastóporo originar o ânus, ou deuterostômios, se o blastóporo originar a boca.
  3. O início dessa fase ocorre com a segmentação do ovo, originando os micrômeros e macrômeros, que sofrerão múltiplas divisões, resultando no arquêntero.
  4. Essa fase é caracterizada pela formação do tubo nervoso a partir do blastóporo formado por células do mesoderma dorsal e do endoderma anterior.
  5. Essa fase inicia-se após a fase de mórula, com a formação do disco germinativo.

8. (UEL) Texto I

A vida em grandes metrópoles apresenta atributos que consideramos sinônimos de progresso, como facilidades de acesso aos bens de consumo, oportunidades de trabalho, lazer, serviços, educação, saúde etc. Por outro lado, em algumas delas, devido à grandiosidade dessas cidades e aos milhões de cidadãos que ali moram, existem muito mais problemas do que benefícios. Seus habitantes sabem como são complicados o trânsito, a segurança pública, a poluição, os problemas ambientais, a habitação etc. Sem dúvida, são desafios que exigem muito esforço não só dos governantes, mas também de todas as pessoas que vivem nesses lugares. Essas cidades convivem ao mesmo tempo com a ordem e o caos, com a pobreza e a riqueza, com a beleza e a feiura. A tendência das coisas de se desordenarem espontaneamente é uma característica fundamental da natureza. Para que ocorra a organização, é necessária alguma ação que restabeleça a ordem. É o que acontece nas grandes cidades: despoluir um rio, melhorar a condição de vida dos seus habitantes e diminuir a violência, por exemplo, são tarefas que exigem muito trabalho e não acontecem espontaneamente. Se não houver qualquer ação nesse sentido, a tendência é que prevaleça a desorganização. Em nosso cotidiano, percebemos que é mais fácil deixarmos as coisas desorganizadas do que em ordem. A ordem tem seu preço. Portanto, percebemos que há um embate constante na manutenção da vida e do universo contra a desordem. A luta contra a desorganização é travada a cada momento por nós. Por exemplo, desde o momento da nossa concepção, a partir da fecundação do óvulo pelo espermatozoide, nosso organismo vai se desenvolvendo e ficando mais complexo. Partimos de uma única célula e chegamos à fase adulta com trilhões delas, especializadas para determinadas funções. Entretanto, com o passar dos anos, envelhecemos e nosso corpo não consegue mais funcionar adequadamente, ocorre uma falha fatal e morremos. O que se observa na natureza é que a manutenção da ordem é fruto da ação das forças fundamentais, que, ao interagirem com a matéria, permitem que esta se organize. Desde a formação do nosso planeta, há cerca de 5 bilhões de anos, a vida somente conseguiu se desenvolver às custas de transformar a energia recebida pelo Sol em uma forma útil, ou seja, capaz de manter a organização. Para tal, pagamos um preço alto: grande parte dessa energia é perdida, principalmente na forma de calor. Dessa forma, para que existamos, pagamos o preço de aumentar a desorganização do nosso planeta. Quando o Sol não puder mais fornecer essa energia, dentro de mais 5 bilhões de anos, não existirá mais vida na Terra. Com certeza a espécie humana já terá sido extinta muito antes disso.

(Adaptado de: OLIVEIRA, A. O Caos e a Ordem. Ciência Hoje. Disponível em: <http: //cienciahoje.uol.com.br/colunas/fisica-sem-misterio/o-caos-ea- ordem>. Acesso em: 10 abr. 2015.)

De acordo com o texto I, a partir da fecundação do óvulo pelo espermatozoide, o organismo se desenvolve ficando cada vez mais complexo, isto é, de uma única célula chega-se à fase adulta com trilhões delas, especializadas para determinadas funções. Nos animais triblásticos, os folhetos germinativos ectoderme, mesoderme e endoderme dão origem aos tecidos, órgãos e sistemas diferenciados nas funções fisiológicas do organismo.

Com base nessas considerações e nos conhecimentos sobre a organogênese, assinale a alternativa que apresenta, correta e respectivamente, as estruturas originadas a partir da diferenciação da ectoderme, mesoderme e endoderme.

  1. Epiderme, tecido gástrico e aparelho genital.
  2. Epitélio do tubo digestivo, tecido ósseo e cérebro.
  3. Tecido conjuntivo, aparelho urinário e endotélio.
  4. Tecido nervoso, músculos estriados e pulmões.
  5. Tecido hematopoiético, tireoide e hipoderme.

9. (UTFPR) Nos organismos multicelulares, após a fecundação, tem início o desenvolvimento embrionário (a embriogênese) que dará origem ao novo indivíduo. Durante esse desenvolvimento, é correto afirmar que:

  1. a primeira fase do desenvolvimento denomina-se organogênese, originando a mórula.
  2. todos os órgãos serão formados por apenas um único tipo de tecido.
  3. por ocorrerem, durante o desenvolvimento, mitoses e meioses, haverá órgãos haploides e órgãos diploides.
  4. uma das fases do desenvolvimento denomina-se gastrulação, que se caracteriza pela formação de folhetos embrionários, do arquêntero e do blastóporo.
  5. em todos os animais, na organogênese, ocorre a formação da notocorda.

10. (UFSE) Um embrião esférico, constituído por uma única camada de pequenas células que circunda uma cavidade preenchida por um líquido, está na fase de:

  1. zigoto.
  2. mórula.
  3. gástrula.
  4. nêurula.
  5. blástula.

11. (UDESC) Em uma determinada fase o embrião é formado por duas camadas de células: a ectoderme e a endoderme e, mais tarde, surge uma terceira camada, a mesoderme. Essas camadas originam os tecidos do organismo.

Em relação a isso, assinale a alternativa incorreta.

  1. A mesoderme origina os tecidos conjuntivos, os musculares e o sangue.
  2. Os tecidos cartilaginoso, adiposo, ósseo e hematopoético originam-se das células mesenquimais, que são um grupo de células da mesoderme.
  3. A ectoderme origina o tecido que reveste externamente o corpo (a epiderme) e o sistema nervoso.
  4. O sistema reprodutor e o excretor originam-se da ectoderme e endoderme.
  5. A endoderme origina o tecido que reveste internamente o corpo (revestimento de tubo digestório e respiratório).

12. (UPE) Observe os trechos da música a seguir:

Quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha?

Cocoricó

Quem sabe me responde, quem não sabe advinha. Quem nasceu primeiro, o ovo ou a galinha?

...Quem acha que foi o ovo levanta a mão e canta assim.

Era uma vez um ovo ... de repente, "creck-creck" se quebrou e lá de dentro saiu, ... um bichinho amarelinho que comeu ... cresceu ... até se transformar...numa galinha.... A minha vida começou dentro de um ovo. Por isso eu canto assim: O ovo veio antes de mim.

Ah é? ...Mas quem colocou esse ovo que veio antes de você, hein? Uma galinha...

...Quem acha que foi a galinha levanta a mão, e canta assim.

Era uma vez uma galinha ... que ... pôs um ovo e delicadamente sentou em cima, ...chocou, chocou, até que, um dia, "creck-creck", ele quebrou.

Daí pra frente a história continua ... Galinha que nasce do ovo que nasce da galinha, que nasce do ovo da galinha. Oh! Dúvida cruel. Quem pôs o primeiro ovo, ninguém sabe, ninguém viu...

Disponível em: http://letras.mus.br/cocorico/1635028. Adaptado

Em relação à pergunta da música, colocada em termos científicos “Quem surgiu primeiro na evolução dos vertebrados terrestres, o ovo ou as aves?,” é CORRETO afirmar que

  1. os peixes punham ovos de dois tipos: centrolécito e telolécito amniótico; estes últimos permitiram a conquista da terra, por possuírem uma casca espessa; assim, o ovo veio primeiro.
  2. os anfíbios botavam ovos isolécitos amnióticos com casca e o suprimento líquido necessário para o desenvolvimento embrionário; assim, o ovo veio primeiro.
  3. os répteis surgiram com uma nova espécie de ovos telolécitos, contendo membranas embrionárias amnióticas complexas, que deixavam o ar entrar e sair, mas não a água; assim, o ovo veio primeiro.
  4. as aves sofreram mutação em seus ovos, passando de centrolécito para heterolécito do tipo amniótico e podiam ser postos em terra; assim as aves vieram primeiro.
  5. as aves desenvolveram ovos do tipo alécitos amnióticos, tornando possível o surgimento dos mamíferos, parentes próximos dessas, visto também serem homeotermos; assim, as aves vieram primeiro.

13. (UFAM PSC) O processo de formação dos órgãos dos animais a partir dos folhetos embrionários é denominado organogênese. Podemos afirmar que o fígado, o coração e o cérebro tem sua origem, respectivamente, a partir da:

  1. Mesoderme, endoderme e ectoderme.
  2. Ectoderme, endoderme e mesoderme.
  3. Mesoderme, ectoderme e endoderme.
  4. Endoderme, mesoderme e ectoderme.
  5. Endoderme, ectoderme e mesoderme.

14. (PUC-RS) O parlamento britânico legalizou a pesquisa em células de clones humanos desenvolvidos em laboratório. A partir de agora, está permitido na Inglaterra realizar investigações com células embrionárias humanas retiradas de estruturas com até 16 células. Que nome se dá à estrutura maciça de células no estágio do desenvolvimento de 16 células?

  1. Óvulo.
  2. Zigoto.
  3. Mórula.
  4. Gástrula.
  5. Feto.

15. (UFAM PSC) O processo de formação dos órgãos dos animais a partir dos folhetos embrionários é denominado organogênese. Podemos afirmar que o fígado, o coração e o cérebro tem sua origem, respectivamente, a partir da:

  1. Mesoderme, endoderme e ectoderme.
  2. Ectoderme, endoderme e mesoderme.
  3. Mesoderme, ectoderme e endoderme.
  4. Endoderme, mesoderme e ectoderme.
  5. Endoderme, ectoderme e mesoderme.

16. (UFCG) Para que ocorra a fecundação na espécie humana, os espermatozoides precisam transpor uma série de barreiras até que possam encontrar o ovócito e, por fim, fecundá-lo

Em relação a esse processo, leia as alternativas e escolha a INCORRETA:

  1. A quantidade de microtúbulos no flagelo e a produção de substâncias lubrificantes que facilitam o deslocamento dos espermatozoides são as principais condições para que um espermatozoide fecunde um ovócito.
  2. A motilidade dos espermatozoides se dá graças aos movimentos dos flagelos e esse movimento ocorre utilizando a energia produzida a partir de reações metabólicas sediadas nas mitocôndrias.
  3. No trajeto percorrido pelos espermatozoides rumo ao encontro com o ovócito, há fatores dificultantes a exemplo do pH ácido e secreções mucosas da vagina.
  4. As enzimas presentes no acrossomo do espermatozoide (ex. hialuronidase) são úteis na transposição da zona pelúcida que envolve e protege o ovócito.
  5. Após a entrada do espermatozoide no ovócito ocorre um bloqueio à polispermia, onde mecanismos são desenvolvidos para impedir a entrada de outros espermatozoides.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



.