Home > Banco de Questões > Biologia > Microbiologia >

Botulismo

Lista de 05 exercícios de Biologia com gabarito sobre o tema Botulismo com questões de Vestibulares.





01. (Fuvest) O botulismo provocou a morte de 1,1 mil cabeças de gado, no último mês de agosto, numa fazenda em Mato Grosso do Sul. A suspeita clínica inicial foi confirmada pelo exame das amostras de grãos úmidos de milho fornecidos aos animais, demonstrando a presença da toxina botulínica, que é produzida pela bactéria Clostridium botulinum.

Considerando que a toxina botulínica bloqueia a transmissão neuromuscular, a morte dos animais deve ter sido decorrente de

  1. infecção generalizada.
  2. hemorragia interna.
  3. desidratação provocada por diarreia.
  4. acidente vascular cerebral.
  5. parada respiratória

02. (FATEC) Os alimentos mal preparados ou conservados de forma inadequada podem estar contaminados pela bactéria anaeróbia obrigatória denominada Clostridium botulinum. Essa bactéria é produtora da neurotoxina botulínica, que pode acumular-se nos alimentos mal conservados e causar a doença botulismo.

Essa doença é grave, não muito frequente e provoca paralisia flácida (fraqueza dos músculos), dificuldade de engolir, vômito, fala ininteligível, retenção de urina, podendo evoluir para paralisia respiratória, se não for tratada rapidamente. Com relação a essa doença, assinale a alternativa correta.

  1. O botulismo é uma doença contagiosa.
  2. As bactérias causadoras do botulismo são autótrofas.
  3. As bactérias Clostridium botulinum somente se desenvolvem na ausência de oxigênio.
  4. As latas que possuem alimentos contaminados pela bactéria Clostridium botulinum podem ficar estufadas devido ao acúmulo de nitrogênio.
  5. As bactérias causadoras do botulismo obtêm a energia necessária ao seu metabolismo, a partir da quebra de compostos orgânicos na presença de oxigênio.

03. (UNITAU) O botulismo é uma doença neuroparalítica grave resultante da ação de uma potente toxina produzida pelo Clostridium botulinum. Essa doença apresenta alta letalidade e é considerada uma emergência médica. Tomando como exemplo o fato de que, recentemente, uma família apresentou botulismo após comer uma mortadela supostamente estragada, analise as afirmativas abaixo, em relação a essa doença, e indique a alternativa CORRETA.

I. o Clostridium botulinum é um bacilo anaeróbio obrigatório.

II. a principal via de contaminação é oral.

III. alimentos conservados de forma inadequada e contaminados com Clostridium botulinum, em especial conservas caseiras, são importantes veículos de transmissão desse micro-organismo para o homem.

  1. Apenas as afirmativas I e II estão corretas.
  2. Apenas as afirmativas II e III estão corretas.
  3. Apenas as afirmativas I e III estão corretas.
  4. Todas as afirmativas estão corretas.
  5. Nenhuma das afirmativas está correta.

04. (EMESCAM) O botulismo, um envenenamento alimentar causado por uma toxina liberada pela bactéria anaeróbica Clostridium botulinum, felizmente é raro. A toxina botulínica contém várias enzimas que destroem as proteínas SNARE, necessárias para que ocorra a exocitose regulada, com a liberação do neurotransmissor pelas células nervosas. A não liberação do mediador causa uma paralisia dos músculos respiratórios, seguida de morte por asfixia.

O neurotransmissor em questão é o (a)

  1. dopamina.
  2. acetilcolina.
  3. noradernalina.
  4. serotonina.
  5. histamina.

05. (SLMANDIC) O botulismo (do latim botulus = salsicha) é uma doença grave, de elevada mortalidade, que resulta da ação de uma potente toxina produzida pela bactéria Clostridium botulinum. É comumente adquirida pela ingestão de alimentos contaminados, tais como embutidos, mel e conservas caseiras que não sofreram tratamento térmico adequado ou foram armazenados em condições que permitiram a germinação dos esporos presentes no alimento. Há alguns anos, a toxina botulínica, em concentrações muito baixas, passou a ser utilizada como recurso estético. Nesse tipo de aplicação, está consagrado o uso do termo “botox”. O princípio da ação da toxina no botulismo e no tratamento estético é o mesmo. Ela provoca paralisia funcional motora, sem interferência na função sensorial. Considerando os processos fisiológicos neuromusculares, a toxina botulínica afeta diretamente

  1. o influxo de Na+ e o efluxo de K+ no axônio, impedindo que impulso nervoso chegue às vesículas sinápticas.
  2. a liberação de noradrenalina pelo neurônio pré-sinático sobre a membrana neuronal pós-sináptica.
  3. a liberação de acetilcolina pelo neurônio pré-sinático sobre a membrana neuronal pós-sináptica.
  4. a liberação de noradrenalina pelo neurônio pré-sinático sobre a membrana muscular pós-sináptica.
  5. a liberação de acetilcolina pelo neurônio pré-sináptico sobre a membrana muscular pós-sináptica.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avise para a gente | Email ou WhatsApp