Home > Banco de Questões > Química > Equilíbrio >Constante de Equilíbrio

Constante de Equilíbrio (Relação entre Kp e Kc)

Lista de 10 exercícios de Química com gabarito sobre o tema Constante de Equilíbrio (Relação entre Kp e Kc) com questões de Vestibulares.


Você pode conferir as videoaulas, conteúdo de teoria, e mais questões sobre o tema aqui.


01. (UEL) A constante KC do equilíbrio representado por

FeO(s) + CO(g) ⇌ Fe(s) + CO2(g)

a 1 000 °C é igual a 0,4.

Logo, a proporção entre o número de moléculas de CO e CO2, no equilíbrio, a essa temperatura, é:

  1. 1 de CO para 1 de CO2
  2. 1 de CO para 4 de CO2
  3. 2 de CO para 5 de CO2
  4. 4 de CO para 1 de CO2
  5. 5 de CO para 2 de CO2

02. (Fuvest) A alta temperatura, N2 reage com O2 produzindo NO, que é um poluente atmosférico:

N2(g) + O2(g) ⇌ 2 NO(g)

À temperatura de 2000 kelvins, a constante do equilíbrio acima é igual a 4,0 · 10-4. Nesta temperatura, se asconcentrações de equilíbrio de N2 e O2 forem, respectivamente, 4,0 · 10-3 e 1,0 · 10-3 mol/L, qual será a de NO?

  1. 1,6 · 10-9 mol/L
  2. 4,0 · 10-9 mol/L
  3. 1,0 · 10-5 mol/L
  4. 4,0 · 10-5 mol/L
  5. 1,6 · 10-4 mol/L

03. (UEL) Para que se possa determinar a constante de um equilíbrio químico, é necessário que:

  1. as espécies químicas envolvidas no equilíbrio estejam em solução aquosa.
  2. o sistema químico em que ocorre o equilíbrio esteja à temperatura constante.
  3. as concentrações das espécies químicas envolvidas no equilíbrio sejam iguais.
  4. todas as espécies químicas participantes do equilíbrio tenham a mesma pressão parcial.
  5. haja troca de matéria do sistema, no qual ocorre o equilíbrio com o ambiente.

04. (UFPA) Sabendo-se que Kc = 69 para a reação

N2 + 3 H2 ⇌ 2 NH3

a 500°C e que a análise de um recipiente de 7 L mostrou que a 500°C se encontravam presentes, no estado de equilíbrio, 3,71 mols de hidrogênio e 4,55 mols de amônia, então o número de mols de nitrogênio presentes no recipiente é:

  1. 0,144
  2. 0,288
  3. 0,414
  4. 0,510
  5. 0,653

05. (Fuvest) O equilíbrio de dissociação do H2S gasoso é representado pela equação:

2 H2S(g) ⇌ 2 H2(g) + S2(g)

Em um recipiente de 2,0 dm³, estão em equilíbrio 1,0 mol de H2S, 0,20 mol de H2 e 0,80 mol de S2. Qual o valor da constante de equilíbrio Kc?

  1. 0,016
  2. 0,032
  3. 0,080
  4. 12,5
  5. 62,5

06. (UFSM) ) O valor da constante de equilíbrio para reação em mol/L

2 NH3(g) ⇌ N2(g) + 3 H2(g)

Quando temos no equilíbrio 3 mols/L de NH3 2 mols/L de N2 e 3 mols/L de H2, é:

  1. 6
  2. 3
  3. 2
  4. 0,303
  5. 0,104

07. (U.Caxias do Sul) Em um recipiente fechado sob pressão de 6 atm, é mantido o sistema gasoso:

2 SO2(g) + O2(g) ⇌ 2 SO3(g)

Constituído por 0,40 mols de dióxido de enxofre 1,60 mols de oxigênio e 2,00 mols de trióxido de enxofre. O valor da constante de equilíbrio do sistema, em termos de pressões parciais, é aproximadamente:

  1. 8,4
  2. 9,4
  3. 10,4
  4. 11,4
  5. 12,4

08. (UFF) A Kc para a reação:

A(g) + B (s) ⇌ C(g) + D(g)

A 127°C é igual a 49 mol/L. O valor de Kp nessas condições é:

  1. 1,6 . 10-3
  2. 1,6 . 103
  3. 4,9 atm
  4. 16 atm
  5. 49 atm

09. (PUC-MG) Para a reação:

2 CO(g) + O2(g) ⇌ 2 CO2(g)

as pressões parciais de CO(g) e O2(g) no equilíbrio são, respectivamente, 0,2 atm e 0,4 atm. A pressão total do sistema é de 1,4 atm. O valor de KP para a reação é:

  1. 56,2
  2. 40,0
  3. 35,6
  4. 28,4
  5. 25,6

10. (UFES) A constante de equilíbrio KC é igual a 10,50 para a seguinte reação, a 227°C:

CO(g) + 2 H2(g) ⇌ CH3OH(g)

O valor de Kc para a reação abaixo, na mesma temperatura, é:

2 CO(g) + 4 H2(g) ⇌ 2 CH3OH(g)

  1. 3,25
  2. 5,25
  3. 10,50
  4. 21,00
  5. 110,25

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp