Home > Banco de Questões > Química > Cálculo Estequiométrico >Estequiometria das Reações Químicas

Estequiometria das Reações Químicas

Lista de 07 exercícios de Química com gabarito sobre o tema Estequiometria das Reações Químicas, Leis ponderais, Lei volumétrica de Gay-Lussac ) com questões de Vestibulares.


Você pode conferir as videoaulas, conteúdo de teoria, e mais questões sobre o tema aqui.


01. (UFMG) Em um experimento, soluções aquosas de nitrato de prata, AgNO 3, e de cloreto de sódio, NaCl, reagem entre si e formam cloreto de prata, AlCl, sólido branco insolúvel, e nitrato de sódio, NaNO 3, sal solúvel em água. A massa desses reagentes e a de seus produtos estão apresentadas neste quadro:

Considere que a reação foi completa e que não há reagentes em excesso.

Assim sendo, é CORRETO afirmar que X – ou seja, a massa de cloreto de prata produzida – é

  1. 0,585 g
  2. 1,434 g
  3. 1,699 g
  4. 2,284 g

02. (Furg-RS) Em uma aula de laboratório, um estudante realizou queimas ao ar de três diferentes massas iniciais de "palhinhas de aço" (Fe). Algumas das massas, resultantes das queimas das "palhinhas" ao final de cada experimento, foram reunidas na tabela ao lado.

Considerando os dados apresentados em relação aos experimentos, é correto afirmar que:

  1. a massa aumentou devido à incorporação do gás oxigênio ao produto final.
  2. o aumento da massa deve ser atribuído à sua transformação em energia.
  3. no experimento 1, a massa final deveria ser menor que 0,80 g.
  4. o ferro ficou mais pesado devido à perda de sua parte volátil [flogístico).

03. (UERJ) Na natureza nada se cria, nada se perde; tudo se transforma. Esse enunciado é conhecido como Lei da Conservação das Massas ou Lei de Lavoisier. Na época em que foi formulado, sua validade foi contestada, já que na queima de diferentes substâncias era possível observar aumento ou diminuição de massa. Para exemplificar esse fenômeno, considere as duas balanças idênticas I e II mostradas na figura abaixo. Nos pratos dessas balanças foram colocadas massas idênticas de carvão e de esponja de aço, assim distribuídas: - pratos A e C: carvão; - pratos B e D: esponja de aço.

A seguir, nas mesmas condições reacionais, foram queimados os materiais contidos em B e C, o que provocou desequilíbrio nos pratos das balanças. Para restabelecer o equilíbrio, serão necessários procedimentos de adição e retirada de massas, respectivamente, nos seguintes pratos:

  1. A e D
  2. B e C
  3. C e A
  4. D e B

04. (UFRGS) O trióxido de enxofre, matéria prima para fabricação do ácido sulfúrico, é preparado por meio da oxidação do dióxido de enxofre, em presença de catalisadores, conforme a reação abaixo representada:

Mantendo-se as condições de temperatura e pressão, qual o volume de gás oxigênio, em litros, que reage com quantidade suficiente de dióxido de enxofre para produzir 5 litros de SO3?

  1. 0,5
  2. 2,5
  3. 5,0
  4. 11,2
  5. 22,4

05. (UTFPR) Até antes da elaboração da lei da conservação da massa acreditava-se que as substâncias reagiam sem nenhum tipo de relação, ou seja, as quantidades que reagiam não dependiam de nenhum tipo de proporção. Após a formalização matemática desta lei, por Antoine L. Lavoisier, outras proporções entre substâncias reagentes começaram a aparecer, entre estas, pode-se citar a lei das proporções definidas (ou também conhecida como lei de Proust). Ao conjunto de leis que retratam o comportamento da matéria em relação às proporções em que elas se combinam dá-se o nome de LEIS PONDERAIS. Com relação às leis ponderais, pode-se afirmar que a alternativa que mostra uma reação química que NÃO está de acordo com a lei de Proust é:

06. (Fatec) Quando comprimidos ou pós-efervescentes são adicionados à água, ocorre reação química, com liberação de gás carbônico. Sendo assim, considere o seguinte experimento:

• 200 mL de água (densidade igual a 1 g/mL) foram adicionados a um frasco de boca larga, aberto.

A massa desse frasco vazio é igual a 160 g.

• Em seguida, foram acrescentados à água desse frasco 10 g de certo pó efervescente.

• Após o término da reação, o frasco aberto contendo o líquido resultante foi colocado em uma balança, que acusou a massa de 362 g.

Com base nesses dados, calcula-se que a massa, em gramas, de gás carbônico liberado para o ar pela reação foi igual a

  1. 2.
  2. 4.
  3. 6.
  4. 8.
  5. 10.

07. (UFPE) Dois frascos, A e B, contendo diferentes reagentes, estão hermeticamente fechados e são colocados nos pratos de uma balança, que fica equilibrada como mostra o diagrama abaixo. Os frascos são agitados para que os reagentes entrem em contato. As seguintes reações ocorrem:

  1. com o andamento das reações o braço da balança pende para o lado do frasco A.
  2. com o andamento das reações o braço da balança pende para o lado do frasco B.
  3. com o andamento das reações os braços da balança permanecem na mesma posição.
  4. este experimento envolve uma reação ácido-base.
  5. este experimento envolve uma reação de oxidação-redução.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp