Home > Banco de Questões > Geografia > Geografia Humana >

Blocos Econômicos

Lista de 10 exercícios de Geografia com gabarito sobre o tema Blocos Econômicos com questões de Vestibulares.




01. (MACK-SP) Ao contrário da União Europeia, o Mercosul não pode ser considerado um verdadeiro mercado comum, pois:

  1. após várias tentativas frustradas, desistiu de unificar as moedas.
  2. não pratica a livre circulação de serviços, capitais e pessoas.
  3. é integrado por países que apresentam notável similaridade econômica, histórica e cultural.
  4. não exige dos países-membros compromissos com a manutenção do regime democrático.
  5. está vinculado à União Europeia, para fazer frente à ALCA, que o impede de ser um bloco econômico autônomo.

02. (CEFET-CE) A iniciativa para as Américas, lançada pelo presidente George Bush em junho de 1990, se inseria na orientação reformista: a sua meta consistia na formação de uma zona de livre comércio em todo o continente americano, com a exclusão de Cuba. Essa zona de integração econômica é chamada de:

  1. Mercado Comum do Sul (Mercosul).
  2. União Europeia.
  3. Área de Livre Comércio das Américas (ALCA).
  4. Zona da Bacia do Pacífico.
  5. Novos Países Industrializados (NPIs).

03. (URCA) Os blocos econômicos são agrupamentos de países de uma mesma região ou mesmo continente, com o objetivo de estabelecer relações comerciais entre si, visando a melhoria do mercado e das relações diplomáticas. Contudo, só no ano de 2018 temos assistido a mudanças na configuração de alguns blocos, como a saída do Reino Unido da União Europeia, as promessas do presidente Donald Trump de retirar os Estados Unidos do Nafta, assim como as discussões que poderão levar a exclusão da Venezuela do Mercosul. Com base neste enunciado é CORRETO afirmar:

  1. Está sendo concretizado um novo momento político e econômico global que levará ao fim dos blocos econômicos.
  2. A existência dos blocos econômicos assegura a manutenção da bipolaridade mundial.
  3. Na América Latina o processo de integração econômica se deu com a formação da ALCA, logo após o fim da Segunda Guerra Mundial.
  4. O momento assistido da integração econômica global revela uma combinação de motivos políticos e econômicos que levarão a reconfiguração dos atuais blocos.
  5. A associação de países em blocos econômicos revela a incapacidade de abertura dos mercados para a competitividade global.

04. (UFRN) No contexto da globalização, uma tendência crescente é a formação de blocos econômicos regionais. Esses blocos apresentam diferentes níveis de integração. Um desses níveis é a zona de livre comércio que se caracteriza pela:

  1. criação de uma moeda única a ser adotada pelos países membros.
  2. livre circulação de mercadorias provenientes dos países membros.
  3. unificação de políticas de relações internacionais entre os países membros.
  4. livre circulação de pessoas, serviços e capitais entre os países membros.

05. (UNIFEI) A União Europeia (EU) entrou em vigor em novembro de 1992, de acordo com o chamado Tratado de Maastricht, assinado em dezembro de 1991. É constituída por um bloco de países europeus ocidentais que visa a:

  1. Estabelecer critérios para a redução da imigração e manter a alta qualidade de vida existente na Europa.
  2. Consolidar a economia entre os países-membros, tornando-os um mercado único e altamente competitivo no mundo.
  3. Combater e erradicar o fundamentalismo religioso muçulmano, com a tomada de medidas antiterroristas.
  4. Impedir o crescimento econômico de países emergentes, como a China, e competir com o forte e tradicional mercado norte-americano.

06. (UFPI) A organização dos países em blocos econômicos visa facilitar a economia dos países, estimulando as trocas e a produção. Sobre os principais blocos, suas características e finalidades, assinale a alternativa correta.

  1. ALCA – constituída por países africanos, promove a valorização de seus produtos, possibilitando a concorrência com a economia asiática.
  2. MERCOSUL – reúne todos os países da América Latina e visa ampliar as trocas comerciais e o fluxo de pessoas entre os seus membros.
  3. CEI – reúne os países da Europa Ocidental que são liderados pela Inglaterra que, por sua vez, detém a hegemonia econômica desta parte de continente.
  4. União Europeia – formada por todos os países da Europa, permite a livre circulação, no continente, de pessoas e mercadorias.
  5. NAFTA – formado pelos países da América do Norte, eliminou as barreiras tarifárias entre os seus membros

07. (UNIGIBA) Os processos de integração regional em curso nas últimas décadas tendem a seguir um conjunto de etapas, que inclui:

I–União Aduaneira;

II–União Monetária;

III–Área de Livre Comércio;

IV–Mercado Comum

A alternativa que apresenta a sequência da maior à menor integração dessas etapas é:

  1. I, IV, III e II
  2. IV, III, II e I
  3. III, I, IV e II
  4. II, IV, I e III
  5. I, II, III e IV

08. (ACAFE) Em um mundo economicamente globalizado o capital não encontra fronteiras físicas e, desta forma, reina a liberdade de comércio entre os países do mundo. Para um maior fortalecimento das posições econômicas ou para intensificar as relações comerciais entre si, alguns países formam alianças, os blocos econômicos. Sobre os blocos econômicos é correto afirmar, exceto:

  1. As Zonas de Livre Comércio são acordos comerciais que visam a redução ou eliminação de tarifas aduaneiras entre os países membros do bloco, como é o caso do NAFTA.
  2. O Acordo de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA) é uma associação de expressão mundial reduzida e se caracteriza pela livre circulação de mercadorias, pessoas, serviços e capitais.
  3. Brasil, Argentina, Paraguai, Venezuela e Uruguai, países integrantes do MERCOSUL, compõem um bloco econômico que estabelece as mesmas tarifas de exportação e importação para o comércio internacional fora do bloco.
  4. O bloco econômico com maior nível de avanço e de integração econômica é a União Européia, pois, além de participar dos acordos do mercado comum, encontra-se na etapa da união econômica e monetária.

09. (UFRGS) Considere as seguintes afirmações sobre a crise do Euro e a geopolítica na Europa.

I – Uma das razões da crise do Euro é a dificuldade de alguns países europeus na manutenção de uma política de bem-estar social em uma economia neoliberal.

II – Países como Portugal, Espanha, Itália, e Grécia baixaram seus custos e retomaram as barreiras alfandegárias internas.

III – o déficit orçamental da Grécia fez com que os investidores exigissem taxas de juros muito altas para emprestar dinheiro ao país.

Quais estão corretas?

  1. apenas I
  2. apenas II
  3. apenas I e II
  4. apenas I e III
  5. I, II e III

10. (Unimontes) Após a Segunda Guerra Mundial, além de se formarem os grandes blocos, diversos países se reuniram em organizações geopolíticas e econômicas, constituindo blocos econômicos regionais de diversos tipos.

Fonte: TERRA, L. e COELHO, M. de A. Geografia Geral e Geografia do Brasil: O espaço natural e socioeconômico. São Paulo: Moderna, 2005.

Considerando a integração econômica que ocorre no interior dos blocos regionais, relacione as colunas.

1) Mercado Comum

2) Zona de livre comércio

3) União aduaneira

_______________________

( ) Circulação de bens com taxas alfandegárias reduzidas ou eliminadas.

( ) Padronização de tarifas para diversos itens relacionados ao comércio com países que não pertencem ao bloco.

( ) Livre circulação comercial e financeira de pessoas, bens e serviços.

Assinale a sequência correta.

  1. 1, 2, 3.
  2. 3, 2, 1.
  3. 2, 3, 1.
  4. 2,1, 3.