Home > Banco de Questões > Física > Termologia

Temperatura e Dilatação

Lista de 10 exercícios de Física com gabarito sobre o tema Temperatura e Dilatação com questões de Vestibulares.

Confira as videoaulas, teoria e questões sobre: Termologia.





1. (ITA) O vidro pirex apresenta maior resistência ao choque térmico do que o vidro comum, porque

  1. possui alto coeficiente.
  2. tem baixo coeficiente de dilatação térmica.
  3. tem alto coeficiente de dilatação térmica.
  4. tem alto calor específico.
  5. é mais maleável que o vidro comum.

2. (UFRS) A variação de 50o C na temperatura de um corpo corresponde a uma variação na escala Kelvin ou absoluta de

  1. 50k
  2. 30k
  3. 40k
  4. 60k
  5. 0k

3. (UFES) Uma barra de metal tem comprimento igual a 10,000 m a temperatura de 10,0oC e comprimento igual a 10,006 m a uma temperatura de 40oC. O coeficiente de dilatação linear do metal é

  1. 1,5 x 10-6
  2. 6,0 x 10-6
  3. 2,0 x 10-6
  4. 2,0 x 10-4
  5. 2,0 x 10-5

4. (Fuvest) Para ilustrar a dilatação dos corpos, um grupo de estudantes apresenta, em uma feira de ciências, o instrumento esquematizado na figura abaixo. Nessa montagem, uma barra de alumínio com 30 cm de comprimento está apoiada sobre dois suportes, tendo uma extremidade presa ao ponto inferior do ponteiro indicador e a outra encostada num anteparo fixo. O ponteiro pode girar livremente em torno do ponto O, sendo que o comprimento de sua parte superior é 10 cm e, o da inferior, 2 cm. Se a barra de alumínio, inicialmente à temperatura de 25ºC, for aquecida a 225ºC, o deslocamento da extremidade superior do ponteiro será, aproximadamente, de

Para ilustrar a dilatação dos corpos, um grupo de estudantes apresenta, em uma feira de ciências, o instrumento esquematizado na figura abaixo.

DADOS: O coeficiente de dilatação linear da barra é de 2x10–5 °C-1

  1. 1 mm
  2. 3 mm
  3. 6 mm
  4. 12 mm
  5. 30 mm

5. (UDESC) Em um dia típico de verão utiliza-se uma régua metálica para medir o comprimento de um lápis. Após medir esse comprimento, coloca-se a régua metálica no congelador a uma temperatura de -10ºC e esperam-se cerca de 15 min para, novamente, medir o comprimento do mesmo lápis. O comprimento medido nesta situação, com relação ao medido anteriormente, será:

  1. maior, porque a régua sofreu uma contração.
  2. menor, porque a régua sofreu uma dilatação.
  3. maior, porque a régua se expandiu.
  4. menor, porque a régua se contraiu.
  5. o mesmo, porque o comprimento do lápis não se alterou.

6. (UFLA) Uma barra de ferro homogênea é aquecida de 10ºC até 60ºC. Sabendo-se que a barra a 10ºC tem um comprimento igual a 5 m e que o coeficiente da dilatação linear do ferro é igual 1,2 x 10-6 ºC-1, podemos afirmar que a variação de dilatação ocorrida e o comprimento final da barra foram de:

  1. 5×10-4m; 5,0005m
  2. 2×10-4m; 5,0002m
  3. 4×10-4m; 5,0004m
  4. 3×10-4m; 5,0003m
  5. 6×10-4m; 5,0006m

7. (ITA) Um bulbo de vidro cujo coeficiente de dilatação linear é 3 x 10-6 °C-1 está ligado a um capilar do mesmo material. À temperatura de -10,0°C a área da secção do capilar é 3,0 x 10-4cm2 e todo o mercúrio, cujo coeficiente de dilatação volumétrico é 180 x 10-6 °C-1, ocupa o volume total do bulbo, que a esta temperatura é 0,500cm3. O comprimento da coluna de mercúrio a 90,0°C será:

  1. 270mm
  2. 257mm
  3. 285mm
  4. 300mm
  5. 540mm

8. (MACKENZIE) Ao se aquecer de 1,0ºC uma haste metálica de 1,0m, o seu comprimento aumenta de 2,0 . 10-2mm. O aumento do comprimento de outra haste do mesmo metal, de medida inicial 80cm, quando a aquecemos de 20ºC, é:

  1. 0,23mm
  2. 0,32 mm
  3. 0,56 mm
  4. 0,65 mm
  5. 0,76 mm

9. (UNIRIO) Um bloco de certo metal tem seu volume dilatado de 200cm3 para 206cm3, quanto sua temperatura aumenta de 20ºC para 520ºC. Se um fio deste mesmo metal, tendo 10cm de comprimento a 20ºC, for aquecido até a temperatura de 520ºC, então seu comprimento em centímetro passará a valer:

  1. 10,1
  2. 10,2
  3. 10,3
  4. 10,6
  5. 11,2

10. (UDESC) Um recipiente para líquidos com capacidade para 120 litros, é completamente cheio a uma temperatura de 10°C. Esse recipiente é levado para um local onde a temperatura é de 30°C. Sendo o coeficiente de dilatação volumétrica do líquido igual a 1,2 x 10-3 (°C)-1, e considerando desprezível a variação de volume do recipiente, a quantidade de líquido derramado em litros é:

  1. 0,024
  2. 0,24
  3. 2,88
  4. 4,32
  5. 5,76

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



.