Home > Banco de Questões > Física > Termologia

Dilatação Volumétrica

Lista de 10 exercícios de Física com gabarito sobre o tema Dilatação Volumétrica com questões de Vestibulares.

Confira as videoaulas, teoria e questões sobre: Termologia.





1. (UNESC) Uma substância, ao ser submetida a uma variação de temperatura de 80°C, sofreu dilatação, aumentando seu volume em 10 litros. Calcule o coeficiente de dilatação volumétrica dessa substância. Considere o volume inicial Vi = 500 litros.

  1. 5,0x10-4C-1
  2. 4,5x10-4C-1
  3. 3,5x10-4C-1
  4. 2,5x10-4C-1
  5. 1,5x10-4C-1

2. (UNESC) A dilatação de um corpo, ocorrido por aumento de temperatura a que foi submetido, pode ser estudado analiticamente. Se esse corpo, de massa invariável e sempre em estado sólido, inicialmente com temperatura t0, for aquecido até atingir a temperatura 2t0, sofrerá uma dilatação volumétrica ∆V.

  1. Passará a ser o dobro da inicial.
  2. Passará a ser a metade da inicial.
  3. Aumentará, mas certamente não dobrará.
  4. Poderá aumentar ou diminuir, dependendo do formato do corpo.
  5. Diminuirá, mas certamente não se reduzirá à metade.

3. (UFAL) Para abrir um pote de geleia que possui tampa de aço do tipo rosca e corpo de vidro, com mais facilidade, basta despejar sobre a tampa água quente.

Esse procedimento é eficaz porque

  1. a água quente dilata mais a tampa de aço do que o pote de vidro, reduzindo o atrito entre eles.
  2. o calor da água aquecida aumenta a pressão no interior do pote, facilitando a remoção da tampa.
  3. a água quente dilata mais o pote de vidro do que a tampa de aço, forçando sua abertura.
  4. a infiltração de água quente entre a tampa e o pote reduz o atrito, facilitando sua abertura.
  5. o aumento de temperatura da tampa reduz seu coeficiente de atrito com o vidro, permitindo uma abertura mais fácil.

04. (UPE) Ao lavar pratos e copos, um cozinheiro verifica que dois copos estão encaixados firmemente, um dentro do outro. Sendo o copo externo feito de alumínio e o interno, de vidro, sobre as formas de separál os, utilizando os princípios básicos de dilatação térmica, analise os itens a seguir:

I. Aquecendo apenas o copo de vidro.

II. Esfriando apenas o copo de alumínio.

III. Aquecendo ambos.

IV. Esfriando ambos.

Está(ão) CORRETO(S) apenas

Dados: os coeficientes de dilatação térmica do alumínio e do vidro são iguais a αAl = 24 x 10-6 °C-1 e αvidro = 0,5 x 10-6 °C-1, respectivamente.

  1. I e II.
  2. I.
  3. II.
  4. III.
  5. IV.

05. (ACAFE) Brinquedo das “antigas”, o carrinho de rolimã é o nome dado a um carrinho, geralmente construído de madeira com um eixo móvel montado com rolamentos de aço (dispensados por mecânicas de automóveis), utilizado para controlar o carrinho enquanto este desce pela rua.

Ao construir devemos encaixar firmemente os rolamentos no eixo cilíndrico de determinado metal com diâmetro um pouco maior que o diâmetro interno do rolamento de aço. Para esse procedimento aquecemos ambos para o encaixe e depois resfriamos. Sendo assim, o coeficiente de dilatação do metal utilizado em relação ao coeficiente de dilatação do aço deve ser:

  1. igual ou maior
  2. maior
  3. igual
  4. menor

06. (UFG) Uma longa ponte foi construída e instalada com blocos de concreto de 5 m de comprimento a uma temperatura de 20°C em uma região na qual a temperatura varia ao longo do ano entre 10°C e 40°C. O concreto destes blocos tem coeficiente de dilatação linear de 10-5°C-1. Nessas condições, qual distância em cm deve ser resguardada entre os blocos na instalação para que, no dia mais quente do verão, a separação entre eles seja de 1 cm?

  1. 1,01
  2. 1,10
  3. 1,20
  4. 2,00
  5. 2,02

07. (UNITAU) Um recipiente de vidro tem um volume interno de 800 mm³ e está completamente cheio de um líquido desconhecido, quando a temperatura do sistema é de 20°C. Ao aquecer o conjunto até 90°C, observa-se que o volume do líquido extravasado é de 5,60 mm³. Sabendo que o coeficiente de dilatação volumétrica do recipiente é de 7,0 x 10-4°C-1, é CORRETO afirmar que o coeficiente de dilatação volumétrica real do líquido é de

  1. 8,0 x 10-4°C-1
  2. 7,0 x 10-4°C-1
  3. 1,0 x 10-4°C-1
  4. 6,0 x 10-4°C-1
  5. 5,0 x 10-4°C-1

08. (UFPR) Considere que num recipiente cilíndrico com êmbolo móvel existem 2 mols de moléculas de um gás A à temperatura inicial de 200 K. Este gás é aquecido até a temperatura de 400 K numa transformação isobárica. Durante este aquecimento ocorre uma reação química e cada molécula do gás A se transforma em duas moléculas de um gás B.

Com base nesses dados e nos conceitos de termodinâmica, é correto afirmar que o volume final do recipiente na temperatura de 400 K é:

  1. 3 vezes menor que o valor do volume inicial.
  2. de valor igual ao volume inicial.
  3. 2 vezes maior que o valor do volume inicial.
  4. 3 vezes maior que o valor do volume inicial.
  5. 4 vezes maior que o valor do volume inicial.

09. (UPE) Uma esfera oca metálica tem raio interno de 10 cm e raio externo de 12 cm a 15°C. Sendo o coeficiente de dilatação linear desse metal 2,3 x 10-5 (°C)-1, assinale a alternativa que mais se aproxima da variação do volume da cavidade interna em cm³ quando a temperatura sobe para 40°C.

Considere Π = 3

  1. 0,2
  2. 2,2
  3. 5,0
  4. 15
  5. 15,2

10. (UPE) Com base nos conhecimentos acerca da expansão térmica dos sólidos, sabe-se que, ao aquecer uma esfera feita de alumínio, em 100 graus celsius, o maior aumento percentual vai ocorrer na (no)

  1. sua área de superfície.
  2. seu volume.
  3. seu diâmetro.
  4. sua densidade.
  5. sua massa.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



.