Home > Banco de Questões > História > Idade Contempôranea

Fim da URSS

Lista de 10 exercícios de História com gabarito sobre o tema Fim da URSS com questões de Vestibulares.

Confira as videoaulas, teoria e questões sobre: História Geral.





01. (UFRN) Em 1991, a guerra civil na República Federativa da Iugoslávia iniciou-se com alguns conflitos na Croácia e na Eslovênia. Em 1992, as lutas ocorreram na Bósnia-Herzegovina, estendendo-se até dezembro de 1995. Recentemente, elas atingiram a província de Kosovo, na República Sérvia.

Para a ocorrência de todos esses conflitos, contribuiu o(a):

  1. colapso dos regimes socialistas no Leste Europeu, o que provocou abalos na unidade política das províncias balcânicas, criando condições para que emergissem as diferenças étnicas, culturais e religiosas.
  2. interferência das nações europeias participantes da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) para evitar que os conflitos locais da região balcânica tivessem o apoio dos países signatários do Pacto de Varsóvia.
  3. processo de globalização, que acelerou a modernização industrial dos países participantes da União Europeia (UE), causando desemprego, o que poderia ser resolvido com o crescimento dos exércitos regulares.
  4. origem histórica dos povos eslavos, que buscavam uma forma de reconstruir o Império Otomano, desfeito autoritariamente pelo Acordo de Potsdam e pela Conferência de Yalta, após a Segunda Guerra Mundial.

02. (PUC-MG) Em 1989, o líder soviético Mikhail Gorbatchev visita a ilha de Cuba. Nos tempos da Perestroika, o presidente russo tem como meta:

  1. reaproximar o líder cubano do governo norte-americano com o objetivo de derrubar o bloqueio econômico imposto à ilha caribenha.
  2. convencer Fidel Castro a abrir o regime para garantir o ingresso de Cuba na nova ordem mundial capitalista.
  3. informar ao dirigente cubano a retirada dos investimentos soviéticos em Cuba, devido à grave crise econômica em curso na URSS.
  4. integrar a URSS à nova Organização Latino-Americana de Solidariedade patrocinada pelo ditador Fidel Castro.
  5. desenvolver em Cuba um novo sistema de mísseis balísticos com ogivas nucleares.

03. (FGV) “... com a subida de Gorbatchov ao poder, em 1985, a União Soviética iniciou a renovação de seus quadros dirigentes e pôs em prática a reformulação da legislação eleitoral, da administração popular e da economia..."

Das reformas a que o texto se refere surgiu a Glasnost:

  1. um ousado plano de reestruturação da política e da economia que reduziu a participação soviética em conflitos fora da Europa.
  2. uma doutrina da "soberania limitada" que previa a existência de governos coniventes com o monopólio de Moscou.
  3. uma política de abertura, traduzida na campanha contra a corrupção e ineficácia administrativa, maior liberdade política, econômica e cultural.
  4. uma forma mais liberal de comunismo que incluía a ampliação das liberdades sindicais e individuais na Rússia e excluía das mudanças os Estados satélites.
  5. um plano quinquenal que priorizou a reforma agrária, a formação de cooperativas camponesas e adotou a educação obrigatória para todo o povo.

04. (UFPE) Sobre as várias propostas de reformas na economia e na política, na antiga União Soviética, uma foi fundamental para mudanças radicais nessa sociedade. Quanto a isso, assinale a resposta correta.

  1. Gorbatchev, através do seu projeto de reformas para a União Soviética, a glasnost, conseguiu estabilizar a economia russa e democratizar as instituições.
  2. As reformas introduzidas na antiga União Soviética, por Boris Ieltsin, depois de eleito presidente da recém-criada Federação Russa em 1991, aceleram a transição do socialismo para o capitalismo.
  3. A crise social e econômica que atingiu a URSS, no final da década de 1980, é atribuída à competição militar com a China, sua arquirrival, e à corrida espacial com a Europa.
  4. O principal fator que desencadeou o desmoronamento do Império Soviético foi o relaxamento do controle do Estado sobre a imprensa.
  5. É inegável que a falta de relacionamento político com o ocidente e a perestroika proposta por Gorbatchev foram fundamentais para que a Rússia mergulhasse na crise atual.

05. (PUC-PR) Sob a liderança de Mikhail Gorbachev, a "perestroika" buscou criar nova economia na URSS e a "Glasnost" buscou abertura política. Desapareceu a URSS e foi criada a CEI (Comunidade de Estados Independentes). Na política externa, o resultado mais importante das reformas no Leste Europeu foi:

  1. o aumento do poderio bélico americano com a "Guerra nas Estrelas".
  2. a militarização do Japão em função das ameaças da Coreia do Norte.
  3. o enfraquecimento da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte).
  4. o fim da Guerra Fria.
  5. a reestruturação do Pacto de Varsóvia.

06. (Ufmg) A Perestroika é entendida como um processo de transformação global do sistema socialista da antiga URSS.

Considerando-se esse processo de transformação, é CORRETO afirmar que:

  1. a opção pela interdependência entre o aparelho do Estado e o aparelho partidário foi importante para o fim do autoritarismo vigente na esfera das instituições sociais e políticas.
  2. o incremento da indústria de armamentos, em razão da posição hegemônica da URSS na Guerra Fria, gerou recursos importantes para a implementação de novas estratégias econômicas.
  3. a Glasnost, como abertura democrática, abriu caminho para a reforma do Estado e para discussões ideológicas e assegurou transformações básicas na economia soviética.
  4. o crescimento da economia soviética nos anos 80 deste século, a taxas bastante elevadas, impulsionou o processo de transformação do sistema socialista na URSS.

07. (Fuvest) Nunca, na história contemporânea mundial, como nesta virada de século e de milênio, a propriedade privada dos meios de produção em geral e da terra em particular foi tão forte e os ideais coletivos tão enfraquecidos. Essa situação pode ser atribuída

  1. à vigência cada vez mais ampla dos Direitos Humanos e do multiculturalismo étnico.
  2. às exigências da divisão internacional do trabalho e ao avanço da democracia social.
  3. à imposição da política econômica keynesiana e à adoção da terceira via ou política do possível.
  4. à vitória do capitalismo na guerra fria sobre o chamado socialismo real e à crise das utopias.
  5. à força cada vez maior das religiões e das Igrejas, favoráveis, por princípio, ao individualismo.

08. (UFMG) A Perestroika é entendida como um processo de transformação global do sistema socialista da antiga URSS. Considerando-se esse processo de transformação, é CORRETO afirmar que:

  1. a opção pela interdependência entre o aparelho do Estado e o aparelho partidário foi importante para o fim do autoritarismo vigente na esfera das instituições sociais e políticas.
  2. o incremento da indústria de armamentos, em razão da posição hegemônica da URSS na Guerra Fria, gerou recursos importantes para a implementação de novas estratégias econômicas.
  3. a Glasnost, como abertura democrática, abriu caminho para a reforma do Estado e para discussões ideológicas e assegurou transformações básicas na economia soviética.
  4. o crescimento da economia soviética nos anos 80 deste século, a taxas bastante elevadas, impulsionou o processo de transformação do sistema socialista na URSS.

09. (FUVEST) “... a morte da URSS foi a maior catástrofe geopolítica do século. No que se refere aos russos, ela se tornou uma verdadeira tragédia”

(Vladimir Putin, presidente da Rússia, abril de 2005)

“Para mim, o maior evento do século XX foi o colapso da URSS, que completou o processo de emancipação das nações”

(Adam Rotfeld, chanceler da Polônia, abril de 2005)

As duas declarações

  1. coincidem, a partir de pontos de vistas opostos, sobre a importância do desaparecimento da União Soviética.
  2. revelam que a Polônia, ao contrário da Rússia e dos demais ex-países do Pacto de Varsóvia, beneficiou-se com o fim da União Soviética.
  3. mostram ainda ser cedo para afirmar que o desaparecimento da União Soviética não foi historicamente importante.
  4. consideram que o fim da União Soviética, embora tenha sido uma tragédia, beneficiou russos e poloneses.
  5. indicam já ser possível afirmar, em caráter definitivo, que o fim da União Soviética foi o acontecimento mais importante da história.

10. (UECE) Inúmeros fatores impulsionaram, a partir de 1988, o fim da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS). Forças centrífugas, guerras regionais, separatismos nacionais e os conflitos étnicos explodiram, entre 1989 e 1990, sobretudo na área das Repúblicas Bálticas, na área do Cáucaso. Sobre a URSS, assinale o correto.

  1. A URSS, em 1990, considerando manter sua hegemonia econômica, declarou a independência das Repúblicas Bálticas (Lituânia, Estônia e Letônia) e, em seguida, assinou um pacto de cooperação e retirou suas tropas imediatamente.
  2. A URSS desmembrou-se, contudo manteve o controle de grandes regiões que compreendem vários territórios, dentre eles as repúblicas compostas pela Armênia, Azerbaijão, Geórgia, Tchetchênia e a Letônia.
  3. A URSS não manteve controle sobre os países do Cáucaso e do Báltico, deparou-se com conflitos étnicos entre Armênios e Azeris e teve dificuldades com a Geórgia.
  4. A URSS não foi extinta. Com o fim da Guerra Fria, programou inúmeras reformas, uma das quais foi a mudança de sua nomenclatura, uma tentativa de mudar sua imagem de nação socialista para uma imagem de nação capitalista.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avise para a gente | Email ou WhatsApp



.