Home > Banco de Questões > Biologia > Citologia >

Especialização da Membrana

Lista de 10 exercícios de Biologia com gabarito sobre o tema Especialização da Membrana com questões de Vestibulares.



01. (FGV-SP) As setas 1, 2 e 3, na figura seguinte, indicam biomoléculas componentes da membrana plasmática de uma célula animal

Com base nas funções desempenhadas pela membrana em diferentes tipos celulares, é correto afirmar que

  1. a biomolécula 1 é um carboidrato componente do glicocálix e atua no reconhecimento intercelular.
  2. a biomolécula 2 é um fosfolipídio componente da bicamada e atua no transporte de gases respiratórios nos eritrócitos.
  3. a biomolécula 3 é um polissacarídeo componente da parede celular e confere resistência e sustentação às células ósseas.
  4. as biomoléculas 1 e 3 são proteínas da bicamada e realizam a contração e o relaxamento nas células musculares.
  5. as biomoléculas 2 e 3 são aminoácidos do glicocálix e atuam na síntese de secreções nas células epiteliais.

02. (ESCS) A técnica histológica visa à preparação dos tecidos a serem estudados com a microscopia óptica. O exame ao microscópio é realizado geralmente por luz transmitida, o que significa que a luz deve atravessar o objeto a ser examinado. Assim, é necessária a obtenção de fragmentos dos tecidos que serão coletados em lâminas muito finas e transparentes.

Internet: <www.icb.ufmg.br>.

Na análise de tecidos biológicos ao microscópio óptico,

  1. observa-se que as células dos diferentes tecidos de sustentação se encontram justapostas.
  2. as membranas celulares não são visíveis.
  3. verifica-se que o tecido conjuntivo apresenta-se sem vasos sanguíneos.
  4. os neurônios se mostram imersos em uma matriz extracelular.

03. (UEMA) Um indivíduo foi submetido a uma intervenção cirúrgica em que foi removida a metade do seu intestino delgado. Após alta hospitalar, o paciente passou a perder peso rapidamente em virtude da má absorção de nutrientes.

A estrutura celular perdida durante esse processo cirúrgico que comprometeu a absorção de nutrientes é denominada

  1. carioteca.
  2. interdigitação.
  3. microvilosidade.
  4. mitocôndria.
  5. cloroplasto.

04. (UEFS)

A partir da análise da charge que ilustra a fagocitose, processo de suma importância para alguns tipos celulares, é correto afirmar:

  1. Os desmossomos são as principais estruturas atuantes nesse mecanismo celular.
  2. Ocorre unicamente no Reino Protista, sendo um dos principais mecanismos de nutrição.
  3. Consiste no englobamento de macromoléculas em solução, por invaginação da membrana celular.
  4. Células que possuem glicocálice são incapazes de realizar fagocitose, devido à rígida camada externa de glicídios.
  5. O conteúdo da vesícula resultante da fagocitose recebe enzimas oriundas dos lisossomos com função de digerir a partícula fagocitada.

05. (UEFS) Quando substâncias passam de um sistema para outro, precisam viajar através da membrana da célula. Um fator importante no volume de transporte que pode ocorrer por unidade de tempo é a área da superfície total da membrana. O problema de colocar uma grande quantidade de superfície dentro de um espaço pequeno é resolvido no corpo pelo pregueamento das membranas. No intestino delgado, onde o alimento digerido precisa ser movido para a corrente sanguínea, há um pregueamento da membrana para baixo até o nível das células isoladas. (COHEN; WOOD, 2002, p. 354).

A membrana plasmática pode apresentar, para determinado tipos de tecidos, especializações que aumentam a capacidade da célula de realizar a sua função. Considerando-se as características do tipo de especialização de membrana apresentada no texto, pode-se reconhecer essa especialização como

  1. invaginações de base.
  2. desmossomos.
  3. microvilosidades.
  4. interdigitações.
  5. junções “gap”.

06. (UFAM) São especializações da membrana com a função de aumentar a área superficial, permitir a adesão e comunicar as células, respectivamente:

  1. Microvilos, junção de oclusão e cílios.
  2. Microvilos, cílios e flagelos.
  3. Interdigitações, cílios e flagelos.
  4. Desmossomos, junções de adesão e estereocílios.
  5. Estereocílios, desmossomos e junções comunicantes.

07. (UFRR) A membrana plasmática é composta por fosfolipídios organizados como uma camada dupla contínua e fluida, cujo interior é hidrofóbico e exterior hidrofílico. Nessa bicamada lipídica se inserem proteínas e outras moléculas que desempenham diversas funções na célula. Essa estrutura e a composição da membrana permitem que a célula mantenha um ambiente interno relativamente constante, uma vez que a difusão de moléculas através da membrana depende da afinidade dessas moléculas pelo interior hidrofóbico da bicamada.

Com relação à passagem de moléculas através da membrana plasmática é INCORRETO afirmar que:

  1. A bicamada de fosfolipídios é relativamente impermeável à passagem da maioria das moléculas solúveis em água, devido ao seu interior hidrofóbico.
  2. A membrana plasmática impede a entrada de moléculas nocivas no interior da célula, devido à sua permeabilidade seletiva.
  3. A composição da membrana plasmática permite que a célula mantenha concentrações de solutos no seu interior (citosol) diferentes daquelas do fluido extracelular.
  4. O transporte ativo de íons e moléculas com carga através da membrana é realizado por proteínas que transferem esses íons e moléculas de uma região menos concentrada para uma região de maior concentração.
  5. Gases como O2, CO2 e N2 e moléculas lipossolúveis, como hormônios esteróides, difundem-se passivamente através da bicamada lipídica, sem gasto de energia.

08. (UCPEL) As paredes celulares sofrem modificações que permitem o fácil movimento de água e de materiais dissolvidos de uma célula para outra. Nas células, que não desenvolvem parede secundária, a parede primária apresenta, geralmente, regiões delgadas. Cordões plasmáticos atravessam a parede primária nessas regiões, permitindo o livre movimento de substâncias de célula para célula, sem precisar atravessar a membrana plasmática. Baseado no exposto anteriormente e em seus conhecimentos, assinale, abaixo, a alternativa que expressa corretamente o nome dado a esses cordões plasmáticos, que ligam as células adjacentes.

  1. desmossomos
  2. plasmodesmas
  3. interdigitações
  4. microvilosidades
  5. nenhuma das alternativas anteriores está correta.

09. (UERJ) Junções comunicantes ou junções gap, um tipo de adaptação da membrana plasmática encontrada em células animais, permitem a comunicação entre os citoplasmas de células vizinhas. Esse tipo de associação entre as células proporciona o seguinte resultado:

  1. forte adesão
  2. barreira de proteção
  3. integração funcional
  4. exocitose de substâncias

10. (UNEMAT) O ex‐Vice‐Presidente José de Alencar morreu no dia 29 de março de 2011, vítima de problemas decorrentes de um câncer, que comprometeu o intestino, e contra o qual lutava nos últimos anos. O câncer ocorre devido a mutações genéticas que provocam alterações celulares.

Assinale a alternativa correta.

  1. As células cancerígenas se multiplicam no organismo através de sucessivas meioses.
  2. As divisões celulares em células somáticas não cancerosas ocorrem pelo processo denominado mitose e são reducionais.
  3. As células cancerígenas desenvolvem mecanismos capazes de "burlar" o sistema imunológico, que tem como principais células de defesa as hemáceas.
  4. O intestino delgado atua tanto na digestão quanto na absorção dos alimentos.
  5. O intestino dos mamíferos é de origem ectodérmica e deriva do arquêntero no embrião.
.