Home > Banco de Questões > Biologia > Evolução >Células Tronco

Células Tronco

Lista de 10 exercícios de Biologia com gabarito sobre o tema Células Tronco com questões de Vestibulares.


Você pode conferir as videoaulas, conteúdo de teoria, e mais questões sobre o tema Células Tronco.



01. (UDESC) “Um número crescente de clínicas, muitas vezes em países como a Rússia ou a China, mas também na Europa e outros continentes, afirmam em seus sites que podem tratar e até curar doenças como distrofia muscular, Alzheimer, Parkinson e lesão na coluna vertebral, assim como infartos, injetando nos pacientes células-tronco que, em teoria, podem se transformar em um nervo, um músculo ou outras células e reparar danos causados por uma doença ou lesão. Relatos de atletas sobre resultados aparentemente miraculosos contribuem para um interesse crescente. Estima-se que dezenas de milhares de pacientes ao redor do mundo tenham recorrido a tais tratamentos e que o setor movimente centenas de milhões de dólares”.

Disponível em: http://nytiw.folha.uol.com.br/?url=/folha/content/view/full/44567, acessado em agosto/2016.

Analise as proposições em relação às células tronco, e assinale (V) para verdadeira e (F) para falsa.

( ) O uso das células tronco em terapias baseia-se no princípio de que elas podem gerar qualquer tipo de célula.

( ) Os mecanismos genéticos, que promovem a diferenciação celular, já são suficientemente conhecidos para assegurar a correta transformação das células tronco naquelas que o paciente necessita.

( ) Não existe o risco destas células se transformarem em tumores.

( ) Todas as células, independentemente do seu grau de diferenciação, podem ser transformadas em células tronco.

Assinale a alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo.

  1. V – F – V – V
  2. F – V – F – F
  3. V – F – F – F
  4. F – V – V – V
  5. F – F – F – V

02. (Enem PPL) A utilização de células-tronco do próprio indivíduo (autotransplante) tem apresentado sucesso como terapia medicinal para a regeneração de tecidos e órgãos cujas células perdidas não têm capacidade de reprodução, principalmente em substituição aos transplantes, que causam muitos problemas devidos à rejeição pelos receptores.

O autotransplante pode causar menos problemas de rejeição quando comparado aos transplantes tradicionais, realizados entre diferentes indivíduos. Isso porque as

  1. células-tronco se mantêm indiferenciadas após sua introdução no organismo do receptor.
  2. células provenientes de transplantes entre diferentes indivíduos envelhecem e morrem rapidamente.
  3. células-tronco, por serem doadas pelo próprio indivíduo receptor, apresentam material genético semelhante.
  4. células transplantadas entre diferentes indivíduos se diferenciam em tecidos tumorais no receptor.
  5. células provenientes de transplantes convencionais não se reproduzem dentro do corpo do receptor.

03. (PUC-PR) Leia a seguir.

Cientistas criam embriões de porco que também têm células humanas

Cientistas nos EUA e na Espanha conseguiram criar os primeiros embriões de porco cujo organismo abriga também células humanas. Embora a técnica seja complicadíssima e brutalmente ineficiente, trata-se um passo importante para o sonho de desenvolver órgãos para transplante no corpo de animais domésticos. A ideia de que os porcos seriam bons candidatos para abrigar órgãos humanos é relativamente antiga, chegando até a ser incorporada em obras de ficção científica. As estruturas do organismo dos suínos têm tamanho similar ao das nossas, e a manipulação do ciclo reprodutivo também costuma ser mais simples e eficiente do que a de outros mamíferos de grande porte... Antes disso, porém, seria importante dominar a técnica em espécies ainda mais fáceis de manipular, e por isso a equipe começou a trabalhar com camundongos e ratos (sim, são duas espécies bem diferentes), já muito estudados quando o assunto é criar as chamadas quimeras (criaturas cujo organismo contém células oriundas de dois indivíduos diferentes, ou mesmo de espécies distintas). A criação de uma quimera em laboratório começa com a obtenção de células-tronco pluripotentes, ou seja, as que são capazes de dar origem a praticamente qualquer tecido do organismo, do cérebro ao coração. No caso, as células-tronco foram obtidas a partir de embriões de ratos e marcadas com uma proteína fluorescente, o que ajuda os cientistas a rastreá-las mais tarde.

Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/ciencia/2017/01/1853248-cientistas-criam-embrioes-de-porco-que-tambem-tem-celulas-humanas.shtml.

Considerando que um pesquisador queira desenvolver futuramente por meio dessa técnica, um coração para utilização em transplante humano, ele poderia:

  1. Misturar células do tecido embrionário que origina o encéfalo com células capazes de originar o revestimento interno do tubo digestório.
  2. Utilizar células do mesmo tecido embrionário capaz de originar a epiderme.
  3. Utilizar células oligopotentes oriundas do trofoblasto do embrião.
  4. Utilizar células do mesmo tecido embrionário capaz de originar o tecido conjuntivo.
  5. Mesclar células do tecido embrionário ectodérmico com células do tecido endodérmico.

04. (ACAFE)Células-tronco criadas em laboratório regeneram corações de macacos

Em um passo à frente, rumo à regeneração de órgãos, células-tronco desenvolvidas a partir de células da pele de macacos revitalizaram corações doentes de cinco animais.

“O experimento representa um avanço na direção da meta de se estabelecer uma fonte ampla e indiscutível de células revitalizadas para serem transplantadas em vítimas de ataques cardíacos”, escreveram pesquisadores em um estudo publicado na revista científica Nature.

Fonte: g1.globo, 10/10/2016

Disponível em: http://g1.globo.com.br

Nesse sentido, marque V para as afirmações verdadeiras e F para as falsas.

( ) Na divisão celular, o sistema actinamiosina auxilia na contração do citoplasma, levando à separação das células filhas.

( ) As células-tronco têm a capacidade de se transformar, num processo também conhe cido por diferenciação celular, em outros tipos celulares. Devido a essa característica, as células-tronco são importantes, principalmente, na aplicação terapêutica, sendo potencialmente úteis em terapias de combate a algumas doenças, tais como: cardiovasculares, neurodegenerativas, diabetes mellitus tipo 1, acidentes vasculares cerebrais e doenças hematológicas.

( ) Um batimento cardíaco completo é chamado ciclo cardíaco. Esse ciclo vai do final de uma contração cardíaca até o final da contração seguinte. Quando o coração relaxa, falamos que ocorreu a sístole e quando ele se contrai, falamos que houve a diástole. Graças a esses movimentos que ele faz, o sangue pode correr pelo nosso corpo, através dos vasos sanguíneos.

( ) A pesquisa com células-tronco tem-se tornado de grande importância para recuperação de órgãos lesionados que não têm capacidade de regeneração de suas células. A diferenciação celular ocorre devido à inibição ou à ativação de determinados grupos de genes responsáveis por definir a função da célula.

A sequência correta é:

  1. F - V - F - V
  2. V - V - F - V
  3. F - V - V - F
  4. V - F - F - V

05. (UFPA) A figura acima ilustra o conceito de células-tronco, que tem sido objeto de muita polêmica, principalmente no âmbito da justiça, da ética e da religião. A figura acima ilustra o conceito de células-tronco, que tem sido objeto de muita polêmica, principalmente no âmbito da justiça, da ética e da religião.

A figura acima ilustra o conceito de células-tronco, que tem sido objeto de muita polêmica, principalmente no âmbito da justiça, da ética e da religião.

Em relação ao que a figura representa e à luz dos conhecimentos atuais, considere as seguintes afirmativas:

I Células-tronco são células indiferenciadas, com potencialidade para dar origem aos mais diversos tipos de células especializadas que formam os tecidos do organismo.

II Células-tronco embrionárias ou pluripotentes têm a capacidade de se diferenciar em qualquer tipo de célula adulta.

III Células-tronco multipotentes, que são menos plásticas e mais diferenciadas, dão origem a uma gama limitada de células dentro de um determinado tipo de tecido.

IV As células-tronco embrionárias constituem a chamada massa celular interna da blástula (blastocisto), que dá origem ao embrião.

V Células da medula óssea são exemplos de células-tronco pluripotentes.

É correto o que se afirma em:

  1. I e II, apenas.
  2. II e III, apenas.
  3. I, II, III e IV.
  4. III, IV e V, apenas.
  5. I, II e V, apenas.

06. (UEFS) Já faz muito tempo que as pessoas recebem notícias dos benefícios das células-tronco, do seu potencial de se diferenciar em outros tipos de célula.

Em relação a essas células, uma das características que faz dela ser classificada como tronco é

  1. a presença de ribossomos.
  2. a presença de mitocôndrias.
  3. sua relativa inativação gênica.
  4. a presença de membrana plasmática.
  5. a presença de cromossomos homólogos.

07. (UEG) A clonagem terapêutica é um possível recurso para o tratamento de vários tipos de doenças. Sobre o uso de células-tronco, pode-se concluir:

  1. as células transplantadas nos pacientes são obrigatoriamente pouco diferenciadas.
  2. células clonadas do próprio paciente oferecem reduzido risco de indução do sistema imune.
  3. forma-se o zigoto com gametas do paciente e de um doador para originar a célula-tronco.
  4. um óvulo anucleado é fecundado pelo núcleo gamético de um doador saudável.

08. (ACAFE) A leucemia é um tipo de câncer em que as células-tronco presentes na medula óssea deixam de atuar corretamente. Nesse caso, pode-se fazer um transplante com a medula de uma pessoa sadia, compatíveis com a receptora.

Quanto às células tronco, analise as afirmações a seguir.

I As células-tronco encontradas na medula óssea são do tipo totipotentes.

II As células-tronco encontradas no cordão umbilical só podem ser utilizadas pelo próprio doador.

III A obtenção de células-tronco embrionárias envolve a manipulação e destruição de embriões humanos.

Assinale a alternativa correta.

  1. Todas as afirmações estão corretas.
  2. Somente as afirmações I e II estão corretas.
  3. Somente a afirmação III está correta.
  4. Somente as afirmações I e III estão corretas.

09. (Universidade de Caxias do Sul) As células-tronco têm sido muito utilizadas na pesquisa científica, e essa utilização provoca várias discussões éticas.

Analise a veracidade (V) ou falsidade (F) das proposições abaixo, com relação à definição das células-tronco totipotentes ou embrionárias.

( ) São células capazes de se diferenciar em qualquer tipo de tecido formador do corpo humano, inclusive anexos embrionários.

( ) São células retiradas do sangue ou do cordão umbilical do recém-nascido.

( ) São células que perderam a capacidade de se dividir e estão aptas a formar um tecido específico.

Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses, de cima para baixo.

  1. V – V – V
  2. F – V – V
  3. F – V – F
  4. V – F – V
  5. V – F – F

10. (UERJ) Células adultas removidas de tecidos normais de uma pessoa podem ser infectadas com certos tipos de retrovírus ou com adenovírus geneticamente modificados, a fim de produzir as denominadas células-tronco induzidas. Essa manipulação é feita com a introdução, no genoma viral, de cerca de quatro genes retirados de células embrionárias humanas, tornando a célula adulta indiferenciada. O uso terapêutico de células-tronco induzidas, no entanto, ainda sofre restrições.

Observe a tabela a seguir: Células-tronco induzidas originárias de um paciente, se usadas nele próprio, apresentariam as consequências identificadas pelos números:

Células-tronco induzidas originárias de um paciente, se usadas nele próprio, apresentariam as consequências identificadas pelos números:

  1. 1, 3 e 6
  2. 1, 4 e 5
  3. 2, 3 e 5
  4. 2, 4 e 6

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp