Home > Banco de Questões > História > >

Idade Moderna

Lista de 20 exercícios sobre História com gabarito sobre o tema Idade Moderna com questões da UECE.



01. (UECE 2019) No ano de 1472, o filósofo italiano Marsílio Ficino, em uma carta, apresenta sua opinião sobre a imprensa: segundo ele, esta invenção resulta de uma característica própria de uma época de ouro.

Trata-se de uma época em que as antigas artes liberais se uniram a uma invenção que caracteriza a fase

  1. contemporânea da história.
  2. industrial da história.
  3. moderna da história.
  4. clássica da história.

02. (UECE 2019) Atente para o seguinte trecho de um artigo de jornal: “Segundo o coordenador do Setor de Ciências Naturais e Sociais da Unesco no Brasil, Fabio Eon, os direitos humanos estão sendo alvo de uma onda conservadora que trata a expressão como algo politizado. — ‘Existe hoje uma tendência a enxergar direitos humanos como algo ideológico, o que é um equívoco. Os direitos humanos não são algo da esquerda ou da direita. São de todos, independentemente de onde você nasceu ou da sua classe social. É importante enfatizar isso para frear essa onda conservadora’ — ressalta Eon, que sugere um remédio para o problema: — ‘Precisamos promover uma cultura de direitos humanos’”.

Disponível em: O Globo. https://oglobo.globo.com/sociedade/os-direitos-humanosnao-sao-da-esquerda-ou-da-direita-sao-de-todos-23088573.

A Declaração Universal dos Direitos Humanos foi aprovada pela Assembleia Geral da ONU em 1948. Já a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão foi aprovada durante a primeira fase da Revolução Francesa, pela Assembleia Nacional Constituinte.

No que diz respeito à Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, é correto afirmar que

  1. apesar de ser um documento revolucionário moderno, tem suas premissas filosóficas no pensamento político de Aristóteles.
  2. é de inspiração hobbesiana, tendo seus primórdios nos inícios do Estado moderno.
  3. é de inspiração iluminista e liberal, sob influência de grandes pensadores do século XVIII, tais como Locke e Rousseau.
  4. é de inspiração marxista, no influxo dos grandes movimentos grevistas e reivindicatórios que aconteceram na França durante o século XIX.

03. (UECE 2019) Os pensadores iluministas do século XVIII difundiram ideias liberais que ganharam força com a Revolução Francesa e a Independência dos Estados Unidos, e firmaram-se com as Revoluções de 1848.

No século XIX, o liberalismo defendia os interesses da

  1. classe operária.
  2. imprensa.
  3. elite industrial.
  4. burguesia.

04. (UECE 2019) A chegada de uma frota portuguesa liderada pelo fidalgo Pedro Álvares Cabral em 21 de abril de 1500 no litoral do atual estado da Bahia foi precedida por outro grande evento das navegações lusitanas que estimulou o rei D. Manuel I, o venturoso, a investir nesse importante empreendimento marítimo e comercial para o Estado português.

Esse evento da expansão marítima portuguesa que precedeu a viagem cabralina foi

  1. a chegada de Cristóvão Colombo às Antilhas em outubro de 1492, o que se configurou como Descobrimento da América.
  2. a realização da primeira viagem de circunavegação do globo iniciada sob o comando de Fernão de Magalhães e concluída por Sebastião Del Cano.
  3. a viagem comandada por Vasco da Gama, que contornou a África e alcançou a Índia e suas especiarias, depois regressando a Lisboa em 1498.
  4. a chegada de Gaspar Corte-Real à Terra Nova, na América do Norte, em 1500, comprovando ser possível uma viagem da Europa à América.

05. (UECE 2019) Escreva V ou F conforme seja verdadeiro ou falso o que se afirma nos itens abaixo sobre as monarquias ibéricas.

( ) A formação das monarquias ibéricas está ligada ao processo de reconquista cristã.

( ) As monarquias nacionais ibéricas se formaram antes das monarquias francesa e inglesa.

( ) O reino de Castela foi o único domínio espanhol que não contou com minorias étnicas e religiosas.

( ) Defenderam tolerância e respeito, não obstante a maioria dos reinos cristãos.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

  1. V, F, F, F.
  2. V, F, V, V.
  3. F, V, V, F.
  4. F, V, F, V.

06. (UECE 2019) O conteúdo da declaração de Independência dos Estados Unidos da América é típico do pensamento iluminista presente nas colônias no século XVIII.

O autor de destaque desse documento seguramente é

  1. Abraham Lincoln.
  2. Thomas Jefferson.
  3. George Washington.
  4. Samuel Adams.

07. (UECE 2016) Atente ao seguinte excerto: “De 1815 a 1847, F. Gaillot arrola uma quinzena de casos ocorridos e outros tantos de tentativas abortadas. O ludismo é mais importante em 1848, quando assume feições particularmente graves, à imagem da duração da crise e da esperança despertada pela nova República”.

(PERROT, M. Os excluídos da História. Operários, mulheres, prisioneiros. Trad. Denise Bottmann. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988, p.37.)

Sobre o ludismo, é correto afirmar que

  1. é um ramo da psicologia voltado para casos extremos de crise política.
  2. constituiu um partido político na Inglaterra.
  3. foi um movimento operário de protesto contra a produção industrial.
  4. foi uma manifestação de rebeldes franceses a favor da produção fabril.

08. (UECE 2016) Algumas revoltas populares ficaram conhecidas como milenaristas, porque os revoltosos utilizaram imagens bíblicas como referenciais para compreender e julgar a política e a opressão. Assinale a opção que corresponde a revolta(s) milenarista(s).

  1. Revoltas camponesas e dos artesãos no final da Idade Média, revoltas do início da Reforma Protestante e Revolução Inglesa de 1644.
  2. Revolução Gloriosa na Inglaterra em 1688, Revolução Francesa em 1789 e luta pela independência dos Estados Unidos em 1776.
  3. Revolução de Outubro na Rússia em 1917 e Revolução Cubana em 1959.
  4. Revolta de Chiapas, no México, liderada pelo Exército zapatista de Libertação Nacional.

09. (UECE 2015) François-Marie Arouet, conhecido como Voltaire, afirma que “a história não é mais que um quadro de delitos e desventuras”. Interessado nos aspectos sociais, culturais e econômicos de diferentes povos, é considerado um dos precursores da ideia da história como ciência autônoma da teologia, da moral, e capaz de desfazer o mito da superioridade dos antigos. Voltaire representa uma corrente cultural denominada de

  1. Cartesianismo.
  2. Evolucionismo.
  3. Iluminismo.
  4. Racionalismo.

10. (UECE 2016) Observe atentamente o seguinte enunciado: “Entre os séculos XV e XVI, Portugal procurou, no continente Africano, diferentes produtos para comercializar: inicialmente o ouro, depois o ser humano, pois entendeu o valor dos escravos como mercadoria de alto valor”.

Considerando o trecho acima, escreva V ou F conforme seja verdadeiro ou falso o que se afirma a seguir:

( ) A tradição de exportar escravos para países árabes era comum em várias partes da África.

( ) Aprisionar pessoas para escravidão foi uma prática inexistente na África até a chegada dos europeus.

( ) Os portugueses acreditavam que ser escravo era uma possibilidade de salvação, porque os negros não eram cristãos.

( ) Para muitos europeus, os negros eram descendentes de Ham, o que os tornava amaldiçoados à escravidão eterna.

Está correta, de cima para baixo, a seguinte sequência:

  1. V, V, F, F.
  2. V, F, V, V.
  3. F, V, V, F.
  4. F, F, F, V.

11. (UECE 2016) A partir das últimas décadas do século XVIII, intensificaram-se as relações comerciais entre China e Inglaterra. Contudo, a balança comercial entre os dois países nunca foi totalmente favorável para os ingleses. O principal produto exportado pelos chineses nessa época era

  1. açúcar.
  2. tecido.
  3. chá.
  4. lã.

12. (UECE 2015) Acerca do projeto de expansão marítima dos portugueses, que resultou na chegada às terras americanas no século XVI, é INCORRETO afirmar que

  1. atendia aos interesses de diversos grupos sociais e instituições, visto que era oferecida uma saída para a retração econômica que Portugal vivenciava.
  2. recebeu o apoio financeiro da nobreza e da burguesia, interessadas na exploração de outras terras e na expansão do comércio.
  3. conquistou o apoio dos segmentos médios da sociedade portuguesa que, desejosos de encontrar novas fontes de renda, pretendiam mudar-se para as novas terras.
  4. recebeu o apoio da Igreja que sonhava em conquistar novos fiéis e empreender seu trabalho de catequese em territórios virgens.

13. (UECE 2015) No início do século XIV, o fim da ordem templária marca um importante momento da transição entre a primeira fase do feudalismo, caracterizada pela cultura cavalheiresca, e a segunda fase, caracterizada pela formação de uma forte burguesia mercantil. Sobre a ordem templária, é correto afirmar que foi

  1. uma comunidade monástica que, além de evangelizar, difundiu a cultura antiga por meio do ensino do latim.
  2. um grupo que manteve as estruturas de clãs familiares típicas das classes aristocráticas romanas.
  3. uma das quatro ordens religiosas organizadas na época das cruzadas para libertar a Terra Santa.
  4. um grupo de mercadores que partiu em viagem para o Extremo Oriente através do caminho da seda.

14. (UECE 2015) Os efeitos da Revolução Francesa sobre a vida privada ultrapassaram as expressões da cultura política representadas pelo vestuário, pela linguagem e pelo ritual político. O novo Estado atacou rigorosamente os poderes das comunidades do Antigo Regime em muitos outros campos tais como:

  1. a música, a pintura e as artes em geral.
  2. a Igreja, as corporações e a nobreza.
  3. a saúde, a higiene e as organizações sanitárias.
  4. a constituição civil e todos os símbolos da vida familiar e doméstica.

15. (UECE 2015) “(...) Anna é então interrogada – a 1º de janeiro de 1582 – pelo Santo Ofício. Inicialmente, ela se esquiva das perguntas do inquisidor; depois, admite que ‘muitas e muitas pessoas’ lhe têm perguntado se ela viu os seus parentes falecidos, mas ela costuma mandá-los embora rudemente. É uma defesa fraca; pressionada, Anna ‘nesciebat quid dicere’ (não sabia o que dizer). Foi mandada para casa, e no dia seguinte o interrogatório recomeçou(...)”

GINZBURG, C. Os andarilhos do bem. Feitiçaria e cultos agrários nos séculos XVI e XVII. Trad. Jônatas Batista neto. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

Sobre o Santo Ofício, é correto afirmar que

  1. foi um colégio permanente de cardeais e clérigos submetidos diretamente ao Papa que respondiam sobre questões da fé católica.
  2. foi uma instituição para-eclesiástica cuja função era interrogar e punir doutrinas contrárias à ortodoxia católica.
  3. foi um movimento da Igreja católica na primeira metade do século XVI com o objetivo de reformar alguns setores da instituição.
  4. foi um grupo militarizado, com fins religiosos, políticos e culturais, criado no século XVI para proteger o Papa em Roma.

16. (UECE 2014) Leonardo da Vinci, homem de genialidade indiscutível, foi capaz de inventar e construir instrumentos bélicos, projetar obras de arquitetura, fundir em bronze, esculpir, pintar. Instigado por um mundo que até então havia sido pouco explorado, trabalhou como cenógrafo e engenheiro militar criando projetos como a máquina de voar e diversas engenhocas. Este homem é exemplo de uma época caracterizada por muitas transformações no campo das técnicas, das artes, da política e do próprio conhecimento que se tinha do mundo e de si mesmo. Foi representante de um período histórico e de um importante movimento cultural, respectivamente denominados

  1. renascimento e humanismo.
  2. classicismo e maneirismo.
  3. hermetismo e existencialismo.
  4. feudalismo e barroquismo.

17. (UECE 2013) A política colonizadora seguida por Portugal, Espanha, Países Baixos, França e Inglaterra contribuiu com a transição para a forma moderna de Estado. Essas potências utilizaram um esquema amplo de política econômica, teorizada e coordenada pela ação estatal, dando origem ao antigo sistema colonial. Essa política econômica foi denominada de

  1. política colonialista.
  2. política mercantilista.
  3. política do estado moderno.
  4. política pré-capitalista.

18. (UECE 2013) Ancien Régime (Antigo Regime) é um termo que foi utilizado inicialmente pelos revolucionários franceses para designar, com conotações pejorativas, o sistema de governo precedente à Revolução Francesa de 1789. Esse sistema de governo correspondia

  1. à monarquia absoluta, sob as dinastias de Valois e Bourbon.
  2. a um sistema político-econômico na defesa da liberdade individual.
  3. à monarquia parlamentarista, que mantinha a soberania política e econômica da França.
  4. à assembleia dos representantes eleitos pelos cidadãos.

19. (UECE 2013) “Os ingleses tiveram que enfrentar situações revolucionárias inesperadas durante os anos de 1640 e 1650, sem nenhuma orientação teórica, como a que Rousseau e Marx deram a seus sucessores franceses e russos, e sem experiência dos acontecimentos anteriores que pudessem ser chamados de revoluções. Eles tiveram que improvisar. A Bíblia em inglês foi o livro ao qual naturalmente voltaram-se em busca de orientação.”

HILL, Christopher. A Bíblia Inglesa e as Revoluções do Século XVII. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

De acordo com o excerto, os ingleses no século XVII

  1. liam Marx e Rousseau durante situações revolucionárias.
  2. tinham vasta experiência revolucionária.
  3. liam a Bíblia e teóricos como Rousseau e Marx.
  4. guiavam suas ações com base na Bíblia.

20. (UECE 2013) A partir de 1517, iniciou-se na Europa um processo denominado Reforma Protestante. Este movimento buscava

  1. reforçar a unidade da Igreja Católica Romana.
  2. expandir a influência do papa no Novo Mundo.
  3. reforçar o poder da Igreja de Roma na Alemanha.
  4. contestar o domínio da Igreja Católica Romana.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



.