Home > Banco de Questões > História > >

Idade Contemporânea

Lista de 20 exercícios sobre História com gabarito sobre o tema Idade Contemporânea com questões da UECE.



01. (UECE 2021) Nehru, Ho chi Minh, Agostinho Neto e Samora Machel são personagens da história mundial, no século XX, pelo fato de terem

  1. liderado a queda dos regimes militares de seus respectivos países e adotado regimes democráticos burgueses.
  2. sido colaboracionistas que ajudaram as tropas do eixo a se expandir pelo sudeste asiático e pela África, apesar de seus discursos pacifistas.
  3. comandaram respectivamente a Índia, o Paquistão, o Camboja, Guiné Bissau e Angola no movimento dos países não alinhados.
  4. conduziram respectivamente os governos da Índia, do Vietnã, de Angola e de Moçambique após suas independências dos impérios coloniais europeus.

02. (UECE 2019) “A crescente proletarização dos homens de hoje e a crescente formação das massas são dois lados de um mesmo acontecimento. O fascismo procura organizar as massas proletarizadas recémsurgidas sem tocar nas relações de propriedade, por cuja abolição elas pressionam. Ele vê sua salvação em deixar as massas alcançarem a sua expressão (de modo algum seu direito). As massas possuem um direito à mudança das relações de propriedade; o fascismo busca dar-lhe uma expressão conservando essas relações. O fascismo resulta, consequentemente, em uma estetização da vida política.”

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica. Porto Alegre: Zouk, 2012, p. 117.

Considerando o que diz Benjamin sobre os efeitos sociais da reprodutibilidade técnica dos objetos de fruição estética, é correto afirmar que

  1. o fascismo elimina a luta de classes, pois unifica a todos sob uma mesma bandeira e com a mesma camisa, unindo a nação no amor pela pátria e seus símbolos, tornando a política mais bela.
  2. a luta de classes é um elemento constitutivo do fascismo, que cria a propriedade privada e, portanto, estabelece antagonismos sociais insuperáveis pela política.
  3. a obra de arte tecnicamente reproduzida apresenta uma necessária superação do fascismo, pois a contemplação estética popularizada conduz as massas para um estado de gozo apolítico.
  4. o fascismo organiza o proletariado como massa, mas não põe em questão sua condição de classe, tornando a relação social mera aparência de unidade, sob símbolos, cores e gritos estandardizados — estetização.

03. (UECE 2019) A independência de Moçambique ocorreu em 1975, após um longo processo que começou com a organização da FRELIMO (Frente de Libertação de Moçambique), um movimento político nacionalista que foi fundado em 25 de junho de 1962, com o objetivo de lutar pela libertação do domínio colonial

  1. português.
  2. inglês.
  3. francês.
  4. alemão.

04. (UECE 2019) Atente para o seguinte trecho de um artigo de jornal: “Segundo o coordenador do Setor de Ciências Naturais e Sociais da Unesco no Brasil, Fabio Eon, os direitos humanos estão sendo alvo de uma onda conservadora que trata a expressão como algo politizado. — ‘Existe hoje uma tendência a enxergar direitos humanos como algo ideológico, o que é um equívoco. Os direitos humanos não são algo da esquerda ou da direita. São de todos, independentemente de onde você nasceu ou da sua classe social. É importante enfatizar isso para frear essa onda conservadora’ — ressalta Eon, que sugere um remédio para o problema: — ‘Precisamos promover uma cultura de direitos humanos’”.

Disponível em: O Globo. https://oglobo.globo.com/sociedade/os-direitos-humanosnao-sao-da-esquerda-ou-da-direita-sao-de-todos-23088573.

A Declaração Universal dos Direitos Humanos foi aprovada pela Assembleia Geral da ONU em 1948. Já a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão foi aprovada durante a primeira fase da Revolução Francesa, pela Assembleia Nacional Constituinte.

No que diz respeito à Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, é correto afirmar que

  1. apesar de ser um documento revolucionário moderno, tem suas premissas filosóficas no pensamento político de Aristóteles.
  2. é de inspiração hobbesiana, tendo seus primórdios nos inícios do Estado moderno.
  3. é de inspiração iluminista e liberal, sob influência de grandes pensadores do século XVIII, tais como Locke e Rousseau.
  4. é de inspiração marxista, no influxo dos grandes movimentos grevistas e reivindicatórios que aconteceram na França durante o século XIX.

05. (UECE 2019) A chegada de uma frota portuguesa liderada pelo fidalgo Pedro Álvares Cabral em 21 de abril de 1500 no litoral do atual estado da Bahia foi precedida por outro grande evento das navegações lusitanas que estimulou o rei D. Manuel I, o venturoso, a investir nesse importante empreendimento marítimo e comercial para o Estado português.

Esse evento da expansão marítima portuguesa que precedeu a viagem cabralina foi

  1. a chegada de Cristóvão Colombo às Antilhas em outubro de 1492, o que se configurou como Descobrimento da América.
  2. a realização da primeira viagem de circunavegação do globo iniciada sob o comando de Fernão de Magalhães e concluída por Sebastião Del Cano.
  3. a viagem comandada por Vasco da Gama, que contornou a África e alcançou a Índia e suas especiarias, depois regressando a Lisboa em 1498.
  4. a chegada de Gaspar Corte-Real à Terra Nova, na América do Norte, em 1500, comprovando ser possível uma viagem da Europa à América.

06. (UECE 2019) Atente para as seguintes afirmações a respeito dos elementos do totalitarismo nazista:

I. Ideologicamente o nazismo se utiliza da propaganda e de organizações de massa para construir o consenso.

II. O racismo promovido por meio das Leis de Nuremberg e a prática da eutanásia aniquilam a diversidade.

III. Utiliza o terror por meio da SS, Gestapo e campos de concentração para promover a repressão da dissidência.

É correto o que se afirma em:

  1. II e III apenas.
  2. I, II e III.
  3. I e II apenas.
  4. I e III apenas.

07. (UECE 2018) O trabalho de Herman Bernhard Lundborg, utilizado para justificar a ideia de “higiene racial”, foi fundamental para o debate sobre eugenia. Assim sendo, a eugenia passou a ser defendida pelo regime nazista, culminando, em 1935, na aprovação das Leis de Nuremberg. Essas leis

  1. obrigavam a esterilização de pessoas com problemas hereditários e a castração de delinquentes sexuais e de homossexuais.
  2. criaram centros de reprodução humana e, ao mesmo tempo, legitimaram o programa Lebensborn, que incentivava pessoas saudáveis a reproduzirem-se.
  3. dispunham sobre práticas de limpeza e higienização, com vistas a proporcionar a melhoria genética da espécie humana.
  4. proibiam o casamento ou contato sexual de alemães com judeus, bem como com pessoas portadoras de doenças mentais, contagiosas ou hereditárias.

08. (UECE 2018) No ano de 1963, John F. Kennedy proferiu um discurso na cidade de Berlim. Com um charmoso sotaque americano, ele disse a frase que entrou para a História: “Há dois mil anos o maior orgulho era poder dizer-se: Civis Romanus Sum [Sou cidadão romano]. Hoje, no mundo livre, o maior orgulho é poder dizer-se Ich bin ein Berliner [Sou um berlinense]”. A visita do presidente americano a essa cidade ocorreu em um contexto difícil, iniciado em 1961, com a construção do muro que significou a

  1. materialização da Guerra Fria em Berlim.
  2. idealização do desenvolvimento capitalista alemão.
  3. efetivação da expansão comunista europeia em Berlim.
  4. marca da superioridade expansionista alemã.

09. (UECE 2018) A Aliança Livre Europeia (ALE) reúne 45 partidos autônomos que representam minorias dispersas entre dezoito países que buscam a independência ou alguma forma de descentralização política ou autonomia para seu país ou região. Essa aliança está presente no Parlamento Europeu desde 2004 e defende um projeto nacionalista que pode redesenhar o mapa do Continente Europeu. Assinale a opção em que todos os itens apresentados correspondem a lugares na Europa onde há movimentos de independência.

  1. Áustria, Dinamarca, Hungria, Catalunha.
  2. Baviera, País Basco, Escócia, Catalunha.
  3. Portugal, Catalunha, Finlândia, Itália.
  4. França, Alemanha, Suíça, Catalunha.

10. (UECE 2018) Atente ao que se diz a respeito da América Latina no período entre 1946 e 1956.

I. Era considerada lugar de pobreza generalizada que contrastava com a prosperidade e o desenvolvimento da sociedade de consumo presente nos EUA e no Canadá.

II. Na América Latina, regimes ditatoriais chegaram ao poder prometendo reformas sociais, mas invariavelmente adotaram a tirania e a corrupção como meio de governar.

III. Essa época foi de grande florescimento econômico em diferentes países da América Latina, graças aos investimentos pós-guerra na agricultura.

É correto o que se afirma em

  1. I, II e III. B
  2. I e III apenas.
  3. I e II apenas.
  4. II e III apenas.

11. (UECE 2018) Atente ao que se diz a respeito da longa relação entre Rússia e Cuba, que se estende desde 1970 aos dias atuais.

I. Entre as décadas de 1970 e 1980, em Cuba, os produtos russos substituíram geladeiras, televisores e outros artigos de consumo americanos.

II. Em 1991, as dívidas de Cuba com a União Soviética chegavam a 35 bilhões de dólares. No ano de 2014, a Federação Russa, na qualidade de Estado sucessor da União Soviética, perdoou 90% dessa dívida.

III. As relações diplomáticas e econômicas entre Cuba e Rússia se intensificaram após a eleição de Donald Trump para presidente dos EUA.

É correto o que se afirma em

  1. I e II apenas.
  2. II e III apenas.
  3. I e III apenas.
  4. I, II e III.

12. (UECE 2018) As manifestações de maio de 1968 ainda representam os movimentos sociais mais importantes da história da França do século XX, pois reuniram um conjunto de características de natureza social, política e filosófica contra a sociedade tradicional, o capitalismo, o imperialismo e também contra

  1. a ditadura de François Mitterrand.
  2. o poder gaullista dominante.
  3. o golpe de estado efetuado por Georges de Pompidou.
  4. as reformas de Nicolas Sarkozy.

13. (UECE 2017) Atente ao enunciado a seguir: “Essas classes médias conservadoras eram, está claro, defensoras potenciais ou mesmo convertidas do fascismo, devido à maneira como se traçaram as linhas de combate político no entreguerras. A ameaça à sociedade liberal e todos os seus valores parecia vir exclusivamente da direita; a ameaça à ordem social, da esquerda. As pessoas da classe média escolhiam sua política de acordo com seus temores. Os conservadores tradicionais em geral simpatizavam com os demagogos do fascismo e dispunham-se a aliar-se a eles contra o inimigo maior. O fascismo italiano tinha uma cobertura de imprensa mais ou menos favorável na década de 1920, e mesmo na de 1930, exceto da que ia do liberalismo até a esquerda”.

Eric J. Hobsbawn. Era dos Extremos: O breve século XX. 2ª Edição. São Paulo, Cia. das Letras, 1994. p. 126.

No que diz respeito aos regimes nazifascistas que se desenvolveram na Europa nas décadas de 1920 e 1930, é INCORRETO afirmar que

  1. apesar de defender um Estado militarista e policialesco que reduziria os direitos individuais, sobretudo dos grupos tidos como minoritários, o nazifascismo teve apoio das classes médias conservadoras.
  2. a imprensa italiana deu uma cobertura mais ou menos favorável ao fascismo, pois, com a exceção de jornais liberais e de esquerda, era conservadora.
  3. apesar de contar com apoio popular, o nazifascismo não contava com apoio das classes médias pois estas eram formadas pelos setores mais instruídos e educados da sociedade.
  4. as classes médias, citadas por Hobsbawn, tomavam seus posicionamentos políticos fundadas no medo de perder vantagens ou privilégios.

14. (UECE 2017) No dia 09 de abril de 2017, a Igreja Copta — principal fé cristã do Egito — foi vítima de dois atentados terroristas: um ocorreu na igreja de São Jorge na cidade de Tanta e o outro se deu na catedral de São Marcos, na cidade de Alexandria, resultando em 44 mortos e centenas de pessoas feridas. Mesmo transcorridos seis anos após a revolta contra Hosni Mubarak, a comunidade copta ainda tem sofrido com intolerância e violência nunca registradas em sua história. Essa comunidade tem realizado inúmeros protestos contra o regime de

  1. Abdel Fattah al-Sissi.
  2. Bashar Hafez al-Assad.
  3. Muammar al-Gaddafi.
  4. Hassan Nasrallah.

15. (UECE 2017) A divisão da Coreia em duas zonas — ao norte instaurada com apoio soviético e, ao sul, sob a influência norte-americana — marcou um conflito sem confronto direto conhecido como

  1. Guerra das Coreias.
  2. Guerra Fria.
  3. Guerra Oriental.
  4. Guerra de Hiroshima.

16. (UECE 2017) Atente ao seguinte excerto: “O crime [...] consistiu em herdar as piores feições do sistema doméstico num contexto em que inexistiam as compensações do lar: ‘ele sistematizou o trabalho das crianças pobres e desocupadas, explorando-o com uma brutalidade tenaz...’ [...] Na fábrica a máquina ditava as condições, a disciplina, a velocidade e a regularidade da jornada de trabalho, tornando-as equivalentes para o mais delicado e o mais forte”.

Edward P. Thompson. A Formação da Classe Operária Inglesa. Vol. II: A maldição de Adão. Rio de Janeiro, Paz e Terra. 1987. p. 207.

Considerando os processos de transformação ocorridos na sociedade ocidental, é correto afirmar que esse trecho da obra do historiador inglês Edward P. Thompson se refere à

  1. Revolução Gloriosa, ocorrida na Inglaterra entre 1688 e 1689, que garantiu o fim do absolutismo na Inglaterra e possibilitou o desenvolvimento social e econômico daquele país.
  2. Revolução Industrial, que, principiando no séculoXVIII, estabeleceu novas formas de organização do trabalho na sociedade capitalista.
  3. Revolução Francesa, que no final do século XVIII criou um novo modelo social e econômico para o mundo ocidental.
  4. Revolução Haitiana, que teve início em 1791 e marcou a independência do país caribenho do domínio francês, mas colocou-o sob o controle do capital industrial inglês.

17. (UECE 2016) No ano de 2015, completam-se setenta anos do fim da Segunda Guerra Mundial. Assinale a opção que corresponde aos episódios que marcaram o início e o fim desse conflito respectivamente.

  1. Declaração de guerra do império Austro-Húngaro ao Reino da Sérvia e o dia do Armistício em que a Alemanha entregou suas armas.
  2. A invasão da Polônia por Hitler e a explosão das bombas atômicas em Hiroshima e Nagasaki.
  3. A Revolução de Outubro na Rússia e a declaração de vitória dos aliados por parte da ONU.
  4. O assassinato de um negociante judeu-polonês no porto do Mar Báltico de Danzing em janeiro de 1939 e a reunião de Roosevelt, Churchill e Stalin.

18. (UECE 2016) Os Jogos Olímpicos são um evento esportivo quadrienal que prevê a competição entre os melhores atletas do mundo em diferentes modalidades esportivas. Esses jogos são inspirados nos antigos jogos que aconteciam na Grécia antiga, na cidade de Olímpia, nos quais competiam os melhores atletas gregos. No final do século XIX, o Barão Pierre de Courbetin, teve a ideia de organizar jogos símiles àqueles da Grécia; assim, os primeiros jogos ocorreram em Atenas no ano de 1896. No decorrer do século XX, os Jogos Olímpicos não ocorreram em três ocasiões, quais sejam:

  1. em 1916, 1940 e 1944, por causa de guerras mundiais.
  2. em 1972, 1996 e 2002, por causa de atentados terroristas.
  3. em 1960, 1976 e 1984, por causa da crise petrolífera.
  4. em 1929, 1952 e 1964, por causa da quebra da bolsa de valor.

19. (UECE 2016) Atente ao seguinte excerto: “Temos de apresentar ao Imperador um plano para alcançar a vitória [...] Se formos resolutos e se estivermos preparados para sacrificar vinte milhões de japoneses num esforço kamikase, a vitória será nossa!”

(Almirante Takajiro Obnishi, agosto de 1945.)

O almirante Takajiro Obnishi, do alto comando da Marinha Imperial Japonesa, em outubro de 1944, aprovou o uso da tática de mergulho de choque contra os alvos da frota naval norte-americana; para ele, tratava-se de utilizar, com eficiência máxima, os parcos efetivos das forças japonesas. Os aviadores deveriam lançar aviões caças carregados de bombas diretamente contra os navios inimigos. Essa tática revelou uma nova modalidade de ação militar conhecida como

  1. incursão sutil.
  2. velódromo.
  3. ataque suicida.
  4. investidura.

20. (UECE 2016) A multidão de pessoas em busca de refúgio atinge diretamente a União Europeia acarretando uma crise de grandes proporções entre seus respectivos países. Estima-se que, apenas no ano de 2015, mais de um milhão de pessoas chegaram ao continente europeu via mar, em sua maioria, pela Grécia e Itália. Milhares de pessoas são obrigadas a abandonar seus países em decorrência de guerras, ascensão do Estado Islâmico e instabilidade política interna. Os três países de onde a maioria dessas pessoas provêm são

  1. Turquia, Irã e Egito.
  2. Afeganistão, Iraque e Síria.
  3. Líbia, Hungria e Polônia.
  4. Mali, Eritreia e Eslovênia.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



.