Home > Banco de questões > Física > Militares >

Dinâmica

Lista de 10 exercícios de Física com gabarito sobre o tema Dinâmica com questões de vestibulares militares.



01. (EEAR) Uma mola está suspensa verticalmente próxima à superfície terrestre, onde a aceleração da gravidade pode ser adotada como 10m/s2. Na extremidade livre da mola é colocada uma cestinha de massa desprezível, que será preenchida com bolinhas de gude, de 15g cada. Ao acrescentar bolinhas à cesta, verifica-se que a mola sofre uma elongação proporcional ao peso aplicado. Sabendo-se que a mola tem uma constante elástica k = 9,0N/m, quantas bolinhas é preciso acrescentar à cesta para que a mola estique exatamente 5cm?

  1. 1
  2. 3
  3. 5
  4. 10

02. (EsPCEx) Um carro de uma tonelada, inicialmente em repouso, é submetido à ação de uma força resultante, horizontal e constante, de 2000 N.

A velocidade desse carro, dez segundos após o início da ação da força resultante, em km/h, vale

  1. 20
  2. 25
  3. 72
  4. 108
  5. 118

03. (EEAR) Um trem de 200 toneladas consegue acelerar a 2 m/s2. Qual a força, em newtons, exercida pelas rodas em contato com o trilho para causar tal aceleração?

  1. 1. 105
  2. 2. 105
  3. 3. 105
  4. 4. 105

04. (EN) Analise a figura abaixo.

A figura acima mostra a seção reta longitudinal de uma caçamba rígida preenchida com troncos de madeira e apoiada sobre o plano inclinado de Ɵ° por meio de pés retangulares transversais distantes D = 3,0m um do outro. O equilíbrio estático da caçamba é mantido utilizando vários calços fixos. Considere o centro de massa CM distante h = 1,0m do plano inclinado e equidistante dos pontos A e B nos quais estão aplicadas as resultantes das forças de contato, sendo A, B e CM pertencentes ao mesmo plano perpendicular ao plano inclinado.

Desprezando o atrito, na iminência de a caçamba tombar (reação normal NB = 0), a tangente do ângulo Ɵ vale:

  1. 2,0
  2. 1,5
  3. √3
  4. √3 3
  5. 0,50

05. (EEAR) Um garoto com um estilingue tenta acertar um alvo a alguns metros de distância. (1) Primeiramente ele segura o estilingue com a pedra a ser arremessada, esticando o elástico propulsor. (2) Em seguida ele solta o elástico com a pedra. (3) A pedra voa, subindo a grande altura. (4) Na queda a pedra acerta o alvo com grande violência. Assinale os trechos do texto correspondentes às análises físicas das energias, colocando a numeração correspondente.

( ) Conversão da energia potencial elástica em energia cinética.

( ) Energia cinética se convertendo em energia potencial gravitacional.

( ) Energia potencial gravitacional se convertendo em energia cinética.

( ) Usando a força para estabelecer a energia potencial elástica.

A sequência que preenche corretamente os parênteses é:

  1. 1 – 2 – 3 – 4
  2. 2 – 3 – 4 – 1
  3. 3 – 4 – 1 – 2
  4. 4 – 1 – 2 – 3

06. (EN) Considere um bloco de gelo de 80,0 kg deslizando, com velocidade constante v, em um plano inclinado de 30º com a horizontal.

Sabendo que a massa de gelo que derrete por minuto, em consequência do atrito, é de 20,0 g, e que o calor latente de fusão do gelo é 336 J/g, qual o valor da velocidade v, em centímetros por segundo?

Dado: g = 10m/s²

  1. 4,20
  2. 16,8
  3. 20,4
  4. 28,0
  5. 32,0

07. (EsPCEx) Um corpo de massa igual a 4 kg é submetido à ação simultânea e exclusiva de duas forças constantes de intensidades iguais a 4 N e 6 N, respectivamente. O maior valor possível para a aceleração desse corpo é de:

  1. 10,0 m/s²
  2. 6,5 m/s²
  3. 4,0 m/s²
  4. 3,0 m/s²
  5. 2,5 m/s²

08. (EN) Uma cabine de elevador de massa M é puxada para cima por meio de um cabo quando, de seu teto, se desprende um pequeno parafuso.

Sabendo que o módulo da aceleração relativa do parafuso em relação à cabine é de 4/5 g, onde g é o módulo da aceleração da gravidade, qual a razão entre o módulo da tração T no cabo e o peso P da cabine, T/P?

  1. 1/2
  2. 2/3
  3. 3/4
  4. 4/5
  5. 1

09. (EEAR) Um bloco de massa m = 5 Kg desliza pelo plano inclinado, mostrado na figura abaixo, com velocidade constante de 2 m/s. Calcule, em Newtons, a força resultante sobre o bloco entre os pontos A e B.

  1. zero
  2. 7,5 N
  3. 10,0 N
  4. 20,0 N

10. (AFA) O bloco da Figura 1 entra em movimento sob ação de uma força resultante de módulo F que pode atuar de três formas diferentes, conforme os diagramas da Figura 2.

Com relação aos módulos das velocidades v1, v2 e v3 atingidas pelo bloco no instante t = 2 s, nas três situações descritas, pode-se afirmar que

  1. v1 > v2 > v3
  2. v2 > v3 > v1
  3. v3 < v1 < v2
  4. v2 < v3 < v1


.