Home > Banco de Questões > Matemática > Acafe>

História da América

Lista de 11 exercícios sobre História com gabarito sobre o tema História da América com questões da Acafe.



01. (Acafe 2019) Acerca do processo de independência da América espanhola e suas consequências, todas as alternativas estão corretas, exceto a:

  1. No Congresso do Panamá, em 1826, Simon Bolívar propôs uma integração entre as nações do continente. Os poderes locais não abriram mão de sua autonomia e a ideia fracassou.
  2. Ao propor a Doutrina Monroe “a América para os Americanos”, os Estados Unidos eram contrários a interferência europeia na América, porém, tal doutrina expressava uma política imperialista estadunidense no continente.
  3. As estruturas políticas após a independência e o surgimento de vários países, não efetivou uma grande mudança no poder; as camadas populares foram alijadas do poder e os caudilhos garantiram um poder absoluto em seus domínios.
  4. O início da luta pela ruptura com a Espanha foi comandada pelos chapetones e articulada nos moldes da Independência dos Estados Unidos da América, unificando-se todas as juntas governamentais num governo unitário.

02. (Acafe 2017) No rastro dos movimentos influenciados pela ideologia Iluminista e até pela independência dos Estados Unidos da América, no século XVIII, acentuaram-se os movimentos pela ruptura da América espanhola com a Metrópole, na primeira metade do século XIX.

Nesse contexto é correto afirmar, exceto:

  1. A Doutrina Monroe, instituída pelos Estados Unidos apoiou as independências da América Latina na guerra contra a Metrópole espanhola.
  2. Organizando-se a partir dos cabildos e formando as juntas governativas, os revoltosos depuseram autoridades metropolitanas e assumiram a administração das colônias.
  3. Simom Bolívar, conhecido como um dos “libertadores da América”, foi um exemplo típico da ideologia da elite criolla.
  4. Os chapetones, com o ideal nacionalista de quem já havia nascido na América, foram os principais organizadores das lutas contra o domínio metropolitano.

03. (Acafe 2017) A História dos países latino-americanos está repleta de contradições e lutas sociais durante o século XX.

Acerca desse contexto é correto afirmar, exceto:

  1. A Argentina passou por períodos de grande prosperidade no século XX mas, ao mesmo tempo, viveu uma das ditaduras mais violentas da região que ainda causa debates no país.
  2. Os atuais países da América Central formavam uma única República, a Centro31 Americana. Em função dos projetos de construção do Canal do Panamá houve uma fragmentação desses países, que foi incentivada pelos EUA para melhor controlar a construção do canal.
  3. O México teve em sua Revolução um dos marcos da política no início do século XX. Na atualidade, o país tem uma ampla aproximação com os EUA, que é elogiada pelos setores mais identificados com as ideias liberais, e criticada por analistas que julgam que essa relação causa muita dependência em relação a seu vizinho do norte.
  4. Colômbia e Bolívia são talvez os dois países da América Latina que mais foram marcados pela questão da produção e tráfico de drogas. O primeiro é um dos aliados mais fiéis dos EUA, o segundo possui um governo de forte inspiração indígena e rejeita o perfil e percepção das políticas antidrogas da potência do norte.

04. (Acafe 2017) A História dos países latino-americanos está repleta de contradições e lutas sociais durante o século XX.

Acerca desse contexto é correto afirmar, exceto:

  1. O México teve em sua Revolução um dos marcos da política no início do século XX. Na atualidade, o país tem uma ampla aproximação com os EUA, que é elogiada pelos setores mais identificados com as ideias liberais, e criticada por analistas que julgam que essa relação causa muita dependência em relação a seu vizinho do norte.
  2. A Argentina passou por períodos de grande prosperidade no século XX mas, ao mesmo tempo, viveu uma das ditaduras mais violentas da região que ainda causa debates no país.
  3. Os atuais países da América Central formavam uma única República, a CentroAmericana. Em função dos projetos de construção do Canal do Panamá houve uma fragmentação desses países, que foi incentivada pelos EUA para melhor controlar a construção do canal.
  4. Colômbia e Bolívia são talvez os dois países da América Latina que mais foram marcados pela questão da produção e tráfico de drogas. O primeiro é um dos aliados mais fiéis dos EUA, o segundo possui um governo de forte inspiração indígena e rejeita o perfil e percepção das políticas antidrogas da potência do norte.

05. (Acafe 2017) No rastro dos movimentos influenciados pela ideologia Iluminista e até pela independência dos Estados Unidos da América, no século XVIII, acentuaram-se os movimentos pela ruptura da América espanhola com a Metrópole, na primeira metade do século XIX. Nesse contexto é correto afirmar, exceto:

Nesse contexto é correto afirmar, exceto:

  1. Organizando-se a partir dos cabildos e formando as juntas governativas, os revoltosos depuseram autoridades metropolitanas e assumiram a administração das colônias.
  2. Os chapetones, com o ideal nacionalista de quem já havia nascido na América, foram os principais organizadores das lutas contra o domínio metropolitano.
  3. Simom Bolívar, conhecido como um dos “libertadores da América”, foi um exemplo típico da ideologia da elite criolla.
  4. A Doutrina Monroe, instituída pelos Estados Unidos apoiou as independências da Amé- rica Latina na guerra contra a Metrópole espanhola.

06. (Acafe 2016) Os povos pré-colombianos, habitantes do continente americano, formaram sociedades complexas com diversas características sociais.

Sobre esses povos é correto afirmar, exceto:

  1. A construção de canais de irrigação levava as águas dos rios até as áreas de plantio. Os astecas também criaram os chinampas, ilhas artificiais sobre a água dos lagos, onde os astecas cultivavam flores e hortaliças.
  2. A cidade de Machu Picchu, importante centro religioso dos Incas, foi invadida e destruída pelos espanhóis colonizadores, que promoveram uma verdadeira pilhagem em seus templos.
  3. A civilização asteca desenvolveu-se principalmente onde hoje se localiza o território mexicano. A própria bandeira do México tem no centro uma imagem mitológica creditada aos astecas.
  4. A guerra era um elemento sagrado para alguns dos povos pré-colombianos, pois garantia prisioneiros que serviam de oferendas para os deuses cultuados.

07. (Acafe 20) Os povos pré-colombianos, habitantes do continente americano, formaram sociedades complexas com diversas características sociais.

Sobre esses povos é correto afirmar, exceto:

  1. A cidade de Machu Picchu, importante centro religioso dos Incas, foi invadida e destruída pelos espanhóis colonizadores, que promoveram uma verdadeira pilhagem em seus templos.
  2. A construção de canais de irrigação levava as águas dos rios até as áreas de plantio. Os astecas também criaram os chinampas, ilhas artificiais sobre a água dos lagos, onde os astecas cultivavam flores e hortaliças.
  3. A civilização asteca desenvolveu-se principalmente onde hoje se localiza o território mexicano. A própria bandeira do México tem no centro uma imagem mitológica creditada aos astecas.
  4. A guerra era um elemento sagrado para alguns dos povos pré-colombianos, pois garantia prisioneiros que serviam de oferendas para os deuses cultuados.

08. (Acafe 2015) No século XIX ocorreu nos Estados Unidos da América a expansão para o Oeste, tendo como uma das consequências grande alargamento territorial.

Nesse contexto, todas as alternativas estão corretas, exceto a:

  1. A ideologia do Destino Manifesto, forma radical de nacionalismo, no qual os Estados Unidos se proclamava como povo “escolhido” para tomar posse de diversas áreas territoriais.
  2. Os Estados Unidos compraram o Alasca da Rússia. Apesar dessa aquisição ser muito discutida no congresso, comprovou-se posteriormente ser uma região rica em recursos naturais.
  3. A Espanha apoiou militarmente os Estados Unidos na retomada das terras mexicanas, principalmente na região do Texas.
  4. Big Stick: imperialismo estadunidense caracterizado pela intervenção militar na América Latina, destacando-se a separação do Panamá do território colombiano para a construção de um canal que ligaria os oceanos Pacífico e Atlântico.

09. (Acafe 2014) Sobre o processo de descolonização da América espanhola e o seu contexto, analise as afirmações a seguir.

I Com a liderança dos Chapetones, os cabildos declararam sua autonomia em relação à Espanha.

II O contexto das guerras napoleônicas contribuiu para a revolta criolla contra a metrópole.

III A independência dos Estados Unidos da América estimulou os movimentos emancipatórios da América espanhola, influenciados pela ideologia iluminista.

IV Influenciado pelo movimento de independência de 1822 no Brasil, os países emergentes da América espanhola, em sua maioria, adotaram a monarquia hereditária.

V A Santa Aliança, com a liderança da Espanha, enviou navios de combate numa tentativa de impedir os movimentos de emancipação na bacia do Rio da Prata.

Todas as afirmações corretas estão em:

  1. I - III - IV
  2. II - III
  3. II - III - IV
  4. IV - V

10. (Acafe 2013) “A célebre frase do Presidente Wilson, ‘Eu me proponho a ensinar às Repúblicas da América do Sul a elegerem homens bons’, não implicava apenas a convicção de que os EUA possuíam um padrão de “bondade” política, mas significava também a disposição de intervir nos países latino-americanos para assegurar uma identidade política aceitável a seus olhos.”

MOURA, Gerson. EUA e América Latina. São Paulo: Contexto, 1991. P. 17).

Acerca dessa clara intenção estadunidense e suas ações na América Latina, é correto afirmar, exceto:

  1. A autoimagem de exemplo para o mundo e a utilização da democracia como modelo a ser exportado auxiliou a referendar muitas intervenções na América Latina. Para os críticos dessa postura, a democracia se conquista e não deve ser imposta com interferências externas.
  2. Parte das intervenções armadas na América Central e Caribe também se destinava a garantir interesses privados de companhias estadunidenses na região.
  3. Um dos elementos centrais da atuação de uma potência em ascensão é buscar justificativas morais aceitáveis às suas ações. Essa é uma das grandes críticas à postura de Wilson e dos EUA na América Latina.
  4. A Revolução Cubana, iniciada logo após o fim do domínio espanhol na ilha caribenha, foi uma das principais preocupações de Wilson que, naquele momento, iniciou o bloqueio que perdura até a atualidade.

11. (Acafe 2012) Acerca da História da América Latina e sua relação com os EUA é correto afirmar, exceto:

  1. Hugo Chavez, presidente da Venezuela, transformou-se numa das mais expressivas lideranças contrárias aos EUA na região. Para muitos um radical populista, para outros uma liderança nacionalista e um exemplo a ser seguido.
  2. Os EUA através de acordos como o NAFTA sempre buscaram se aproximar da América Latina com projetos de integração e auxílio, mas em geral a contrapartida da região foi a rejeição às intenções dos estadunidenses.
  3. A relação do Brasil com os EUA oscilou entre completo alinhamento e momentos de atritos e disputas com a potência do norte. Atualmente o Brasil procura articular, em conjunto com outros países da América do Sul, uma política mais autônoma em relação aos norteamericanos.
  4. Cuba, após a Revolução de 1959, tornouse um governo contrário aos interesses dos estadunidenses. Até hoje, os EUA mantém um duro bloqueio ao país do Caribe.

Você acredita que o gabarito esteja incorreto? Avisa aí 😰| Email ou WhatsApp



.